Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia suspende seu trabalho na Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa

© REUTERS / Johanna GeronCharles Michel e Ursula von der Leyen, presidente do Conselho Europeu e presidente da Comissão Europeia, respectivamente, participam de sessão plenária do Parlamento Europeu em Bruxelas, Bélgica, 26 de abril de 2021
Charles Michel e Ursula von der Leyen, presidente do Conselho Europeu e presidente da Comissão Europeia, respectivamente, participam de sessão plenária do Parlamento Europeu em Bruxelas, Bélgica, 26 de abril de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 14.03.2022
Nos siga noTelegram
De com acordo membro da delegação russa, as diretrizes desenvolvidas na instituição nas últimas semanas estão progressivamente se caracterizando como antirrussas.
Nesta segunda-feira (14), a delegação da Rússia decidiu suspender seus trabalhos no âmbito da Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa (PACE, na sigla em inglês), disse à Sputnik o senador russo e membro da delegação, Aleksandr Bashkin.

"Foi tomada a decisão de não participar do trabalho dos comitês e órgãos do PACE em suas sessões plenárias", disse Bashkin.

Segundo o senador, a decisão aconteceu por conta do trabalho do conselho que tem demonstrado uma política com "caráter antirrusso proeminente". Além de sair da Assembleia Parlamentar, Moscou está pensando em deixar o Conselho Europeu.
Ele especificou que a notificação foi enviada ao Conselho da Federação (Senado) e à Duma de Estado (Parlamento) da Rússia.
Tanque russo Sprut-SD - Sputnik Brasil, 1920, 14.03.2022
Panorama internacional
19º dia da operação especial da Rússia na Ucrânia
No dia 24 de fevereiro o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou o início da operação militar especial na Ucrânia, alegando que as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk, anteriormente reconhecidas por Moscou como estados soberanos, precisam de ajuda diante do genocídio de parte de Kiev.
Um dos objetivos fundamentais desta operação, segundo o líder russo, é "a desmilitarização e desnazificação" da Ucrânia.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала