Manhã com Sputnik Brasil: destaques desta segunda-feira, 21 de fevereiro

© AFP 2022 / WOJTEK RADWANSKIManifestantes com bandeiras ucranianas e polonesas durante ação para paz na Ucrânia, Varsóvia, Polônia, 20 de fevereiro de 2022
Manifestantes com bandeiras ucranianas e polonesas durante ação para paz na Ucrânia, Varsóvia, Polônia, 20 de fevereiro de 2022  - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Nos siga noTelegram
Bom dia! A Sputnik Brasil está acompanhando as matérias mais relevantes desta segunda-feira (21), marcada pela tensão contínua na região de Donbass, pela decisão de Putin e Biden de organizar uma cúpula para resolver a crise ucraniana e pelo lançamento de plataforma social de Trump na App Store da Apple.

Desastre em Petrópolis já contabiliza 171 mortes e se iguala ao maior registrado em sua história

Até domingo (20), 171 óbitos foram registrados em Petrópolis, no Rio de Janeiro, em decorrência das fortes chuvas que atingiram a cidade em 15 de fevereiro. Com isso, a tragédia se igualou em número de mortes ao maior desastre no município ligado às intempéries. Segundo dados da Defesa Civil, em 1988, outra grande tempestade na região ocasionou a morte de 171 vítimas, também destruindo parcialmente a Cidade Imperial. Ante destruições que Petrópolis sofreu em resultado das chuvas torrenciais, surgem iniciativas para sua reconstrução. O deputado e pré-candidato ao governo do Rio de Janeiro, Marcelo Freixo, propôs um projeto de lei que direcionaria o imposto laudêmio a um fundo, usado para ajudar na reconstrução da cidade. Porém, o atual governador do Rio, Cláudio Castro, criticou a iniciativa chamando Freixo de "oportunista".
© REUTERS / RICARDO MORAESMulher segura cachorro em um abrigo para vítimas de deslizamento de terra no Morro da Oficina, após fortes chuvas em Petrópolis, RJ, 18 de fevereiro de 2022
Mulher segura cachorro em um abrigo para vítimas de deslizamento de terra no Morro da Oficina, após fortes chuvas em Petrópolis, RJ, 18 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Mulher segura cachorro em um abrigo para vítimas de deslizamento de terra no Morro da Oficina, após fortes chuvas em Petrópolis, RJ, 18 de fevereiro de 2022

PT lança pré-candidatura de Fabiano Contarato ao governo do ES

O Partido dos Trabalhadores decidiu lançar a pré-candidatura do senador Fabiano Contarato ao governo do Espírito Santo, conforme informou o mesmo senador na rede social. "Fico imensamente feliz e animado" com a decisão do PT, se manifestou Contarato. Nesta segunda-feira (21), sua pré-candidatura será lançada em um ato oficial. Fabiano Contarato anunciou sua filiação ao PT no final de 2021. Antes de virar senador, ele era professor, ativista humanitário e delegado da Polícia Civil do ES desde 1992. O lançamento de seu nome ocorre em meio a negociações do PSB com o PT em relação à formação de uma federação para atuar de forma unitária durante os próximos quatro anos.

Putin e Biden decidem realizar cúpula dedicada à crise ucraniana

No domingo (20), o presidente da França, Emmanuel Macron, falou por telefone com seu homólogo russo, Vladimir Putin, por iniciativa do lado francês. Os presidentes acordaram em realizar negociações do grupo de contato trilateral, que inclui a Rússia, Ucrânia e a OSCE, nesta segunda-feira (21). Conforme contou à Sputnik uma fonte familiar ao assunto, se Kiev concordar realizar as negociações do grupo de contato sobre a crise em Donbass com as repúblicas autoproclamadas de Donetsk e Lugansk, a Rússia também participará. Além disso, o Palácio de Elysée informou que Macron propôs a Putin e ao presidente americano Joe Biden a organização de uma cúpula conjunta, e que os presidentes aceitaram a ideia. De acordo com o lado francês, a agenda do evento será preparada pelo chanceler russo, Sergei Lavrov, e pelo secretário de Estado americano, Antony Blinken, durante encontro deles programado para o dia 24 de fevereiro.
© REUTERS / Casa BrancaPresidente dos EUA, Joe Biden, durante encontro do Conselho de Segurança Nacional sobre o desenvolvimento da situação na fronteira ucraniana, Washington, 20 de fevereiro de 2022
Presidente dos EUA, Joe Biden, durante encontro do Conselho de Segurança Nacional sobre o desenvolvimento da situação na fronteira ucraniana, Washington, 20 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Presidente dos EUA, Joe Biden, durante encontro do Conselho de Segurança Nacional sobre o desenvolvimento da situação na fronteira ucraniana, Washington, 20 de fevereiro de 2022

Situação em Donbass permanece crítica: Lugansk e Donetsk relatam vítimas de bombardeios

A Milícia Popular comunicou hoje (21) que as Forças Militares da Ucrânia continuam tentando desestabilizar a situação em Donbass. Segundo dados da RPL, durante o domingo (20), Kiev violou o cessar-fogo mais de 60 vezes, lançando projéteis, inclusive de calibre proibido pelos Acordos de Minsk, contra vários povoados de Donetsk e Lugansk. Dados recentes apontam que um civil morreu em Shakhovskaya, que é um povoado de mineração na RPD, em resultado do bombardeio ucraniano de hoje. Lugansk relatou dois mortos e três feridos na madrugada desta segunda-feira (21). A Milícia Popular da RPD também anunciou que na madrugada de hoje, as tropas ucranianas bombardearam a região de Kominternovo e lançaram 12 projéteis e 50 granadas de morteiro proibidos. A MP anunciou que foi forçada a abrir fogo em resposta ao bombardeio, usando armas permitidas. Enquanto isso, Lugansk começou a mobilização voluntária de homens de mais de 55 anos.
© REUTERS / GLEB GARANICHMilitares ucranianos na linha de frente perto da cidade de Novolugansky na região de Donetsk, 20 de fevereiro de 2022
Militares ucranianos na linha de frente perto da cidade de Novolugansky na região de Donetsk, 20 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Militares ucranianos na linha de frente perto da cidade de Novolugansky na região de Donetsk, 20 de fevereiro de 2022

Aplicativo de nova rede social de Trump é lançado na App Store da Apple

Truth Social, nova plataforma social do ex-presidente norte-americano Donald Trump, vai estar disponível na App Store da Apple a partir desta segunda-feira (21). Ele prometeu que sua nova rede vai lutar contra a censura das big techs e protegerá o direito à liberdade de expressão. Trump foi banido de todas as redes principais após a invasão ao Capitólio pelos seus apoiadores em 6 de janeiro de 2021, tendo sido acusado de postar mensagens incitando à violência. "O nosso objetivo é, e acho que vamos atingi-lo, acho que no final de março estaremos totalmente operacionais pelo menos dentro dos Estados Unidos", disse Devin Nunes, ex-republicano e representante da empresa Trump Media & Technology Group, responsável pela Truth Social. Contudo, alguns internautas já relataram problemas ao se registrar ou acabaram incluídos a uma lista de espera com uma mensagem: "Devido à enorme demanda, colocamos você em nossa lista de espera".
© REUTERS / CHRIS HELGRENMáscara retratando Donald Trump vista no carro durante protestos em Ottawa, Canadá, 16 de fevereiro de 2022
Máscara retratando Donald Trump vista no carro durante protestos em Ottawa, Canadá, 16 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.02.2022
Máscara retratando Donald Trump vista no carro durante protestos em Ottawa, Canadá, 16 de fevereiro de 2022

Detido no Cazaquistão ex-ministro da Defesa

Murat Bektanov, que foi afastado do cargo de ministro da Defesa do Cazaquistão em meio aos protestos da nação centro-asiática, foi detido por passividade de autoridade, informou o Ministério Público cazaque hoje (21). A entidade iniciou uma investigação pré-julgamento contra Bektanov por alegada passividade durante serviço. "No dia 20 de fevereiro de 2022, M.K. Bektanov foi detido e colocado em um centro de detenção temporária sob suspeita de cometer este crime", diz a nota. O então ministro foi afastado pelo presidente Kassym-Jomart Tokaev em 19 de janeiro por não conseguir lidar com os protestos, que eclodiram na república devido ao abrupto crescimento dos preços do gás liquefeito, no início de 2022. Em resposta às manifestações, Tokaev dissolveu o governo, declarou estado de emergência e pediu às forças de paz da CSTO para ajudarem a controlar a situação.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала