Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Por que Coreia do Norte lança mísseis com frequência? Especialista russo revela 3 causas possíveis

© REUTERS / Agência Central de Notícias da Coreia do Norte (KCNA)Teste de míssil norte-coreano Hwasong-12 (foto de arquivo)
Teste de míssil norte-coreano Hwasong-12 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 15.09.2021
Nos siga no
O segundo lançamento de mísseis norte-coreanos em poucos dias pode ser causado por uma necessidade técnica de testar novos desenvolvimentos de armas, assim como pretender chamar atenção dos EUA para a Coreia do Norte e melhorar o estado moral do povo, segundo um especialista.
Os lançamentos de mísseis pela Coreia do Norte nos últimos dias podem ter várias explicações, acredita o vice-diretor para a ciência do Instituto Oriental – Escola de Pesquisas Regionais e Internacionais da Universidade Federal do Extremo Oriente (Rússia), Artem Lukin.
"Primeiro, até recentemente a RPDC não realizava testes com frequência. Provavelmente, tiveram uma necessidade técnica de testar os desenvolvimentos que foram criados durante esse tempo. Seu desenvolvimento de mísseis está em curso e tudo deve ser testado 'em voo'", afirmou Lukin.
Além disso, os vários lançamentos desde o território norte-coreano em pouco tempo podem ser um sinal para os Estados Unidos e a Coreia do Sul de que se devem lembrar da Coreia do Norte, conforme o especialista.
"Após a chegada da administração de Joe Biden se tornou claro que a RPDC não está nas listas de prioridades de Washington. Agora os EUA tomaram uma posição bem passiva em relação à RPDC, os americanos dizem que estão prontos para negociações, mas não para concessões", comentou Lukin.
"É possível que com estes lançamentos a Coreia do Norte queira aumentar sua prioridade para os EUA, fazer lembrar de sua existência, fazer lembrar aos americanos que devem negociar e estar prontos para concessões", sugeriu o especialista russo.
A terceira causa possível é a vontade do governo norte-coreano de reforçar o espírito do povo em meio ao isolamento por causa da COVID-19 e das sanções.
"Possivelmente, isso é um sinal à própria população, às elites, que, apesar das dificuldades que existem na Coreia do Norte devido ao isolamento por causa do coronavírus e das sanções, a RPDC continua criando armas mais novas, uma vontade de mostrar que é uma grande potência. Tudo isso visa reforçar o moral da nação", disse Lukin.
Nesta quarta-feira (15), o Exército da Coreia do Sul confirmou que a Coreia do Norte lançou dois mísseis balísticos na direção do mar do Japão. A Guarda Costeira do Japão afirmou que foi registrado o lançamento de dois mísseis balísticos a partir do centro da Coreia do Norte.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала