- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

OAB pede que STF obrigue Bolsonaro a comprar vacinas para imunização em massa

© Folhapress / Zé Carlos BarrettaPresidente da OAB, Felipe Santa Cruz, discursa durante Prêmio Vladimir Herzog no Tucarena, em São Paulo, em 24 de outubro de 2019
Presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, discursa durante Prêmio Vladimir Herzog no Tucarena, em São Paulo, em 24 de outubro de 2019 - Sputnik Brasil, 1920, 20.03.2021
Nos siga noTelegram
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o presidente Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (19).

A entidade pede que a corte determine a aquisição de vacinas suficientes para a imunização em massa da população brasileira contra a COVID-19.

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, que assina o pedido, acusa o governo federal de encarar a vacinação "mais como um problema do que uma solução", gerando atrasos na campanha de imunização e o aumento do risco do surgimento de novas variantes no país.

"Em inúmeros episódios, aqueles que deveriam ser responsáveis por gerir as crises se valeram de seus discursos e cargos para deslegitimar a vacinação, discriminando os imunizantes de determinados países e fazendo terrorismos sobre os possíveis efeitos da vacina na saúde da população", disse Santa Cruz no texto, conforme publicado pelo Estadão.
© Folhapress / Pedro LadeiraO presidente Jair Bolsonaro durante evento no Palácio do Planalto.
OAB pede que STF obrigue Bolsonaro a comprar vacinas para imunização em massa - Sputnik Brasil, 1920, 20.03.2021
O presidente Jair Bolsonaro durante evento no Palácio do Planalto.

A OAB acrescenta que a postura do governo no combate à pandemia "tem sido descrita por especialistas da Saúde e pela mídia, dentro e fora do país, como um dos fatores que contribuíram para a conjuntura calamitosa atual".

"A situação, conforme amplamente noticiada, é dramática e exige medidas urgentes e drásticas", afirmou o presidente da OAB.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала