Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Novo premiê assume cargo no Quirguistão e diz que presidente pode renunciar daqui a 2-3 dias

© Sputnik / Aleksei Maishev / Abrir o banco de imagensCrise política no Quirguistão
Crise política no Quirguistão - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Parlamento do país da Ásia Central aprovou a direção e programa de Sadyr Zhaparov, nomeado como primeiro-ministro em meio aos protestos políticos no país.

O Parlamento do Quirguistão aprovou por unanimidade o novo gabinete de ministros, chefiado por Sadyr Zhaparov.

Todos os deputados presentes na reunião na residência estatal de Ala-Archa votaram unanimemente a favor da candidatura de Zhaparov e da composição do gabinete e programa propostos pelo político do Quirguistão.

Pouco antes, o presidente quirguiz Sooronbai Zheenbekov afirmou estar pronto para deixar seu posto, de acordo com o candidato a premiê Sadyr Zhaparov, e pode dar esse passo em um período de dois ou três dias.

Zheenbekov disse que renunciaria somente se o país tomar o caminho da legalidade e que "nenhuma posição está acima da integridade do Estado, da unidade do povo e da paz da sociedade".

Na sexta-feira (9), Zheenbekov declarou que o destino do Quirguistão está "em perigo" e referiu o perigo de se "perder o país" se os tumultos continuarem.

Depois da crise política que se instalou no Quirguistão em meio aos resultados das eleições legislativas, que deram a vitória aos partidos governistas Birimdik e Mekenim Quirguistão, tem havido protestos de oposicionistas que não reconhecem os resultados oficiais.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала