Massacre em El Paso é ato de terrorismo contra mexicanos nos EUA, diz chanceler

© JOEL ANGEL JUAREZPoliciais armados se reúnem ao lado de um veículo blindado do FBI perto do shopping Cielo Vista, em El Paso, no Texas
Policiais armados se reúnem ao lado de um veículo blindado do FBI perto do shopping Cielo Vista, em El Paso, no Texas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O México avalia iniciar uma demanda internacional por "terrorismo" depois que seis mexicanos perderam suas vidas e sete ficaram feridos no fim de semana durante um tiroteio no Texas, disse neste domingo (4) o ministro das Relações Exteriores do país latino-americano.

"No decorrer das próximas horas [...] se assim for decidido pelo promotor (Alejandro Gertz), ele iniciará a denúncia por terrorismo contra cidadãos mexicanos no território dos Estados Unidos", disse Ebrard em breve conversa com a imprensa. "Até onde sei, seria a primeira exigência dessa natureza na história."

O chanceler mexicano também afirmou que considera pedir a extradição do atirador que matou 20 pessoas neste final de semana no mercado Wal Mart de El Paso, no Texas. "Para o México, esse indivíduo é um terrorista", disse Ebrard.

Antes de cometer os homicídios, o atirador publicou um manifesto na internet em que fala de uma suposta "invasão hispânica" nos Estados Unidos. 

O local do crime costuma receber mexicanos que fazem compras na cidade fronteiriça. O episódio está sendo investigado pelas autoridades dos Estados Unidos como terrorismo doméstico

O ataque na manhã de sábado foi seguido menos de um dia depois por outro tiroteio que matou nove pessoas em Dayton, Ohio.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала