14:06 22 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    553
    Nos siga no

    O exorcista católico François Dermine advertiu que há um aumento do "satanismo agressivo", particularmente entre os jovens, devido à falta de exemplos morais fortes e ao aumento do secularismo cultural.

    Dermine é um exorcista da Arquidiocese de Ancona-Osimo, na Itália, desde 1994. Segundo algumas religiões, um exorcista é alguém que pode expulsar o diabo ou outros demônios de uma pessoa possuída.

    De acordo com o exorcista, quando os jovens são expostos ao demônio, como, por exemplo, através de videogames que promovem temas como seres sobrenaturais, eles tendem a agir de forma violenta e agressiva.

    "O satanismo está ficando muito mais agressivo e também difundido", disse Dermine em entrevista ao Crux Now, alertando que o crescimento do secularismo é um fator que contribui para o crescimento do satanismo, pois cria um "tipo de vazio espiritual, ideológico e cultural".

    Na opinião do exorcista católico, os jovens não vão mais à igreja "à procura de respostas", eles estão "tentando encontrar algo em outro lugar", muitas vezes no "mundo demoníaco".

    'Mentalidade satanista'

    Segundo Dermine, "o satanismo nem sempre é muito explícito" e ser exposto a ideias demoníacas em uma idade jovem pode levar a uma "mentalidade satanista".

    "Eles [os jovens] arriscam-se a passar da cultura para os atos. Eles próprios podem tornar-se maus muito facilmente", observou, explicando como a "quebra da estrutura familiar" faz com que os jovens se tornem vulneráveis.

    "Não é apenas um medo vago, é um risco muito concreto. Não devemos subestimar isso, porque a violência entre os jovens está se tornando cada vez mais difundida. Uma mentalidade violenta é muito perigosa para a nossa sociedade, muito, muito perigosa [...] Nossa sociedade corre o risco de ruir se continuar assim", acrescentou ele.

    Templo Satânico apresenta ao público sua estátua de Baphomet em Little Rock, Arkansas, EUA
    © AP Photo / Hannah Grabenstein
    Templo Satânico apresenta ao público sua estátua de Baphomet em Little Rock, Arkansas, EUA

    As ideias ideológicas e filosóficas enraizadas no Satanismo começaram com a fundação da Igreja de Satanás em 1966 e têm sido usadas por vários grupos cristãos ao longo da história para explicar eventos como abuso sexual, assassinato e canibalismo, apesar da falta de provas que corroborem tais afirmações.

    Mais:

    Misteriosos objetos satânicos são encontrados em parque real escocês (Foto)
    Satanistas da Academia Naval dos EUA solicitam espaço para 'compartilhar crenças'
    Satanistas ganham status de comunidade religiosa na Suécia
    Tags:
    demônio, exorcista, igreja católica, satanismo, Satanás
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar