07:20 28 Abril 2017
Ouvir Rádio
    Testemunhas de Jeová

    Testemunhas de Jeová recorrem da proibição de sua atividade na Rússia

    © AFP 2017/ Martin Bureau
    Sociedade
    URL curta
    1015509757

    O "Centro de Direção das Testemunhas de Jeová" recorrerá da decisão do Tribunal Supremo de proibir sua atividade no território da Rússia, segundo os dados da organização.

    "O Tribunal Supremo decidiu desmantelar a organização religiosa centralizada dos Testemunhas de Jeová na Rússia, assim como todas as 395 organizações religiosas locais desta religião […] os crentes estão preparando a apelação que deve ser examinada em um mês", diz a nota publicada no site da entidade.

    O Tribunal Supremo da Rússia considerou a atividade do “Centro de Direção das Testemunhas de Jeová na Rússia” como extremista e a proibiu no país.

    O “Centro de Direção das Testemunhas de Jeová” pode recorrer da sentença do Supremo e, neste caso, a disposição relativa à proibição não terá efeito enquanto o juiz analisa o recurso. Enquanto isso, o Ministério da Justiça, que entrou com a ação para proibir as Testemunhas de Jeová na Rússia, já suspendeu o trabalho do “Centro” até que o Supremo dite a decisão final.

    O “Centro de Direção das Testemunhas de Jeová na Rússia” é a organização principal que controla as filiais dos Testemunhas de Jeová na Rússia.

    O “Centro” tem sempre problemas com a lei, que vão desde as proibições da sua atividade e encerramento das filiais até às multas por divulgação de materiais extremistas.

    Mais:

    Alemanha proíbe 'Religião Verdadeira' após megaoperação
    Ciência se encontra com religião: Patriarca Kirill apresentado a robô russo
    Tags:
    extremismo, religião, Supremo Tribunal da Rússia, Ministério da Justiça da Rússia, Testemunhas de Jeová, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik