Aleluia irmão (ou não): 'Testemunhas de Jeová' pode ser banido da Rússia por extremismo

Nos siga noTelegram
O maior grupo de Testemunhas de Jeová na Rússia teve suas atividades suspensas pelas autoridades por supostamente conduzir atividades extremistas.

Vista do Vaticano - Sputnik Brasil
'Deus terrorista': Jornal do Vaticano condena nova capa do Charlie Hebdo
As atividades do Centro Administrativo das Testemunhas de Jeová na Rússia — o maior grupo de Testemunhas de Jeová no país, com cerca de 175.000 adeptos, foram suspensas pelas autoridades.

De acordo com o Ministério da Justiça russo, a suspensão veio como resultado do grupo alegadamente realizar "atividade extremista".

No dia 5 de abril, o Supremo Tribunal da Rússia deve decidir se o grupo religioso será proibido no país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала