17:45 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Esta foto de arquivo mostra uma pessoa lendo um jornal

    'Eu não estou livre': jornalista holandesa é detida após críticas a presidente

    © AFP 2017/ GERARD CERLES
    Sociedade
    URL curta
    1048718

    A jornalista holandesa Ebru Umar foi detida na madrugada deste domingo na sua residência de Kusadasi, uma cidade balneária no Oeste da Turquia. O alegado motivo da detenção é uma crítica que ela fizera ao presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.

    A série de tuítes começou com uma mensagem publicada por volta das 21h do horário local (cerca das 15h em Brasília). A mensagem fazia referência a Erdogan Kliklijn, um programa satírico holandês que lançava trocadilhos considerados ousados.

    "OK. Polícia está na porta. Não estou brincando", reza a próxima postagem.

    Duas horas depois, veio novo tuíte: "Eu não estou livre. Eu vou para um hospital", escrito completamente com maiúsculas.

    A próxima (e até o momento, a última) postagem diz que ela estava em "uma outra delegacia da polícia".

    Recentemente, Ebru Umar, holandesa de origem turca, tinha publicado, no jornal holandês Metro, uma extensa matéria criticando o presidente Erdogan. ela usou depois o seu Twitter para divulgar fragmentos da matéria.

    Depois da detenção da jornalista, o Ministério das Relações Exteriores da Turquia convocou o embaixador da Holanda para transmitir o seu descontente com a mídia do país europeu em relação às autoridades turcas. Por sua parte, o embaixador pediu Ancara para "esclarecer" a situação, informa o diário turco Hurriyet.

    O caso da jornalista holandesa não é o primeiro. Mais cedo, um humorista e chefe do Partido Pirata da Alemanha sofreu perseguição por ter recitado em público e divulgado um poema que continha críticas ao presidente turco.

    Já em meados da semana finda, o novo alvo foi o chefe da representação da Sputnik na Turquia, Tural Kerimov, que ficou sem possibilidade de entrar no país e teve que viajar a Moscou.

    Mais:

    Sindicatos dos Jornalistas prolongam greve na Grécia
    Rússia está preocupada com degradação de direitos da mídia na Turquia
    Jornalistas brasileiros repudiam censura e expulsão de diretor da Sputnik na Turquia
    ‘Pressionar jornalistas já é uma tendência na Turquia’, diz sindicato francês
    Quando jornalistas preferem não reparar
    Tags:
    liberdade de imprensa, Recep Tayyip Erdogan, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik