18:12 14 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    2300
    Nos siga no

    A presença da Rússia no Ártico é um elemento necessário para seu desenvolvimento militar, já que os EUA não descartam sua presença no Ártico e a Rússia não deve ignorar essa região importante, disse aos jornalistas o porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov.

    Anteriormente, o canal de televisão CNN falou do "poderio militar sem precedentes" da Rússia no Ártico e demonstrou imagens de satélite da empresa Maxar, que revelam instalações russas novas e modernizadas na região. O representante oficial do Pentágono, John Kirby, afirmou que os Estados Unidos acompanham com muita atenção a atividade da Rússia no Ártico e pretendem defender seus interesses nacionais nessa região.

    "O comandante supremo considera realmente a presença militar russa no Ártico um elemento absolutamente necessário do desenvolvimento militar. A zona do Ártico é uma região importantíssima da Federação da Rússia. Uma questão que está relacionada tanto com nossas fronteiras como com nossa zona econômica."

    "O potencial econômico tem aumentado de ano a ano. Vocês sabem que existem planos alargados de desenvolvimento na zona ártica, tudo isso está sendo concretizado de maneira consistente", afirmou Peskov quando perguntado sobre a importância que o presidente Vladimir Putin atribui à presença militar russa no Ártico.

    "Quanto à preocupação dos colegas norte-americanos, aqui não devemos esquecer que os próprios Estados Unidos nunca desistiram da presença na zona ártica, nunca diminuíram sua atenção dispensada à região ártica. E nós sempre registramos isso e também nos baseamos no fato de que nós igualmente não devemos ignorar esta região importantíssima", acentuou.

    Mais:

    Rússia acha preocupante atividade militar britânica no Ártico
    Alguns países tentam enfraquecer posição da Rússia no Ártico, diz Medvedev
    Três submarinos nucleares russos emergem do gelo no Ártico ao mesmo tempo pela 1ª vez (VÍDEO)
    Tags:
    presença militar, Ártico, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar