08:44 31 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    4264
    Nos siga no

    A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, afirmou nesta quinta-feira (28), que Moscou tomará medidas adequadas caso Washington limite os voos de vigilância da aviação russa sobre o território norte-americano no âmbito do Tratado de Céus Abertos.

    "Com relação às medidas introduzidas pelos EUA, que, de acordo com várias mídias, visam complicar a realização de voos de vigilância sobre o território dos EUA, então vamos avaliá-las de acordo com os termos do tratado […] e tomaremos a decisão sobre passos adequados, pois como se sabe, reforçamos isso constantemente, ninguém cancelou o princípio de reciprocidade nas relações internacionais", frisou Zakharova durante um briefing.

    Anteriormente, o jornal The Wall Street informou que autoridades norte-americanas estão se preparando para anunciar limitações aos voos de vigilância de aviões militares russos sobre território norte-americano no âmbito do Tratado de Céus Abertos. Por sua vez, Moscou espera que qualquer acusação seja apresentada em conformidade com os termos do tratado.

    O Tratado de Céus Abertos foi assinado em Helsinque em 24 de março de 1992 por 23 países-membros da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE). A Rússia ratificou o tratado em 2001. Os participantes do acordo podem realizar voos sobre territórios dos outros membros a fim de manter controle da atividade militar.

    Mais:

    Voos comerciais sem pilotos poderão em breve ser reais
    Autoridades de Okinawa protestam contra voos dos EUA depois de acidente letal
    Tags:
    Tratado de Céus Abertos, Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar