11:18 24 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6232
    Nos siga no

    Rebeldes houthis atacaram uma base de treinamento militar em Marib, no Iêmen, neste sábado, matando um grande número de pessoas, informa a mídia saudita.

    De acordo com o canal de televisão Al-Ekhbariya, citado pela Reuters, ao menos 80 militares teriam sido mortos no ataque, que também deixou vários feridos.

    Até o momento, o movimento houthi não se manifestou para assumir a suposta responsabilidade pela ação, que teria envolvido drones e mísseis balísticos. 

    Mais de 3 milhões de pessoas no Iêmen ficaram desabrigadas pela guerra. 83% deles são mulheres e crianças.​

    O Iêmen se encontra há anos mergulhado em um conflito armado entre forças do governo leais ao presidente em exílio Abd Rabbuh Mansur Hadi e a facção armada houthi. Apesar de um acordo de paz assinado em Estocolmo em 2018, as tensões aumentaram nos últimos meses no país, onde, desde 2015, uma coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita realiza bombardeios contra as posições houthis em apoio ao governo de Hadi.

    Mais:

    Armas dos EUA estariam sendo transferidas à coalizão árabe no Iêmen (FOTOS, VÍDEO)
    Rebeldes do Iêmen teriam sequestrado trabalhadores da ONU
    Houthis derrubam 2 aeronaves no espaço aéreo do Iêmen em 24 horas
    Tags:
    drones, mísseis, mortos, militares, ataques, conflito, Arábia Saudita, Oriente Médio, houthis, Iêmen
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar