18:43 20 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9188
    Nos siga no

    Os EUA e seus aliados teriam suspendido o treinamento de forças de segurança iraquianas em função do aumento das tensões que se seguiu ao assassinato do major-general Qassem Soleimani nesta sexta-feira (3).

    A agência de notícias Reuters teve acesso à carta de um oficial general do Exército alemão que informa ao parlamento em Berlim que o programa de treinamento de forças iraquianas seria interrompido.

    "O treinamento das forças de segurança e das Forças Armadas do Iraque está suspenso temporariamente", escreveu o tenente-general Erich Pfeffer à Comissão de Relações Exteriores do Bundestag.

    Segundo ele, o tenente-general norte-americano Pat White havia decidido aumentar o nível de segurança das tropas da Operação Decisão Inerente (OIR, na sigla em inglês), que se encontra sob seu comando.

    "A decisão é vinculante a todas as nações parceiras envolvidas na OIR nos centros de treinamento no Iraque", acrescentou Pfeffer.

    A Alemanha possui cerca de 120 militares no Iraque, operando sob a OIR, uma operação liderada pelos EUA.

    Mais:

    'Abaixo os EUA': como iranianos reagiram à morte do general Qassem Soleimani
    Moscou adverte que assassinato de Soleimani aumentará tensões no Oriente Médio
    Não tenho o poderio bélico para opinar, diz Bolsonaro sobre crise EUA-Irã
    Tags:
    Alemanha, Irã, Exército do Iraque, EUA no Iraque, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar