22:45 13 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Confronto entre manifestantes palestinos e soldados israelenses na Cisjordânia.

    Conflito com militares israelenses deixa quase 20 palestinos feridos

    © Foto / REUTERS/Mohamad Torokman
    Oriente Médio e África
    URL curta
    112
    Nos siga no

    Pelo menos 18 palestinos sofreram ferimentos em embates com membros das Forças de Defesa de Israel (IDF) no norte da Cisjordânia nesta quarta-feira, informaram fontes locais.

    "18 palestinos ficaram feridos em confrontos com os militares israelenses na cidade de Nablus", disse um representante da Sociedade Palestina do Crescente Vermelho, Erab Vukaha, à Sputnik, acrescentando que os soldados de Israel chegaram a abrir fogo contra dois palestinos com munição real.

    Segundo Vukaha, o incidente teria ocorrido após a chegada de colonos israelenses na localidade, acompanhados de membros da IDF. 

    ​Em 1967, durante a chamada Guerra dos Seis Dias, Israel ocupou os territórios de Gaza, Cisjordânia e Jerusalém Oriental. No entanto, os palestinos insistem que as futuras fronteiras entre dois Estados soberanos na região devem ser traçadas de acordo com a situação anterior a essa guerra, mas admitem uma troca de territórios, na esperança de criar seu Estado na Cisjordânia e na Faixa de Gaza com a capital em Jerusalém Oriental.

    Israel, por sua vez, se recusa a restaurar as fronteiras antigas e a compartilhar Jerusalém, considerada sua capital "eterna e indivisível".

    Mais:

    Rússia, Turquia e Irã acusam Israel de desestabilizar região com ataques
    Impasse em Israel: Netanyahu e Gantz trocam acusações e país segue sem governo
    Comandante iraniano adverte que Israel será apagado dos mapas políticos em caso de nova guerra
    Israel busca tratado de não-agressão com países árabes do golfo Pérsico
    Tags:
    Crescente Vermelho, Oriente Médio, IDF, palestinos, Jerusalém Oriental, Jerusalém, Faixa de Gaza, Cisjordânia, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar