16:58 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Sistema de defesa antiaérea de mísseis do Irã

    General iraniano diz que arsenal de mísseis do Irã é inegociável

    © AP Photo / Ministério da Defesa do Irã
    Oriente Médio e África
    URL curta
    12422
    Nos siga no

    O vice-chefe do Exército, o contra-almirante Sayyari, ecoando as recentes declarações do líder da Revolução Islâmica, Ayatollah Seyed Ali Khamenei, afirmou que as capacidades de defesa e mísseis do Irã nunca estariam sujeitas a negociações.

    Sayyari disse à Tasnim News Agency que as palavras do Líder Supremo sobre a impossibilidade de conversações sobre as capacidades de defesa e mísseis do Irã eram claras.

    "Declaramos explicitamente que o poder de defesa e mísseis do Irã são absolutamente inegociáveis", afirmou o general, acrescentando: "Os europeus podem ter muitos desejos e sonhos, mas não permitiremos que realizem o sonho de manter conversas sobre mísseis com Irã".

    O comandante também descartou qualquer possibilidade de negociar com os EUA, comparando-os a um veneno letal.

    Em comentários no mês passado, o aiatolá Khamenei descartou categoricamente a ideia de conversações com os EUA, dizendo: "Negociação é veneno" Segundo ele, a possibilidade é ainda mais impovável "com a atual administração".

    No domingo, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse que os EUA estariam dispostos a conversar com o Irã quando ele começasse a se comportar "como uma nação normal". O Ministério das Relações Exteriores iraniano acusou Pompeo de "brincar com as palavras" e disse que uma mudança de conduta, e não apenas retórica, era necessária para "que qualquer conversa aconteça".

    Mais:

    Irã apresenta base de mísseis subterrânea em VÍDEO
    Vice da Guarda Revolucionária diz que mísseis do Irã podem atingir navios dos EUA no golfo Pérsico
    EUA desenvolvem mísseis que poderiam 'fritar' eletrônica militar da Coreia do Norte e Irã
    EUA enviam mísseis Patriot ao Oriente Médio em resposta à 'ameaça' do Irã
    Irã não terá outra opção senão continuar com programa de mísseis, diz general iraniano
    França faz pedido ao Irã: 'pare todas as atividades com mísseis balísticos'
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar