17:10 22 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Sistema de mísseis de defesa aérea S-400 no ensaio da parada do dia da vitória em Vladivostok

    Turquia comprará mísseis russos S-400 não obstante acordo com EUA sobre os Patriot

    © Sputnik / Vitaliy Ankov
    Oriente Médio e África
    URL curta
    580

    A Turquia tem intenção firme de comprar os complexos russos de defesa antiaérea S-400 mesmo se isso signifique o fim das negociações com os EUA sobre o fornecimento dos sistemas norte-americanos Patriot, declarou o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin.

    A Turquia tem intenção firme de comprar os complexos russos de defesa antiaérea S-400 mesmo que isso signifique o fim das negociações com os EUA sobre o fornecimento dos sistemas norte-americanos Patriot, declarou o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin.

    Na opinião dele, não há nenhuma conexão entre os vários acordos militares da Turquia.

    "Em nosso ponto de vista, não há ligação nenhuma entre a aquisição dos complexos de defesa antiaérea S-400 russos e os sistemas americanos Patriot, esses assuntos não estão interconectados de modo nenhum".

    "Nossa posição permanece inalterada: vamos fazer tudo que consideramos necessário para garantir nossa segurança nacional", sublinhou.

    Ao mesmo tempo, o porta-voz turco confirmou que Ancara está participando das negociações com Washington sobre a compra dos sistemas Patriot.

    "Temos a proposta dos EUA sobre os Patriot, mas temos condições preliminares e expetativas quanto a suprimentos, transferência de tecnologias e preços. Dependendo das negociações em curso com os Estados Unidos vamos ver se os EUA conseguirão responder plenamente às nossas demandas", destacou.

    Ademais, Kalin comentou as afirmações do chanceler turco, Mevlut Cavusoglu, feitas na semana passada, segundo as quais a Turquia está pronta para estudar a oferta dos EUA sobre os sistemas de defesa antiaérea Patriot, mas considera a compra inaceitável caso esta implique a abdicação dos sistemas russos S-400.

    "A Turquia pode comprar os sistemas Patriot no futuro. Mas será impossível se uma das condições de compra for abandonar [o acordo sobre] os S-400", ressaltou.

    Os EUA passaram meses fazendo lobby para que a Turquia abandonasse o acordo de compra dos S-400 com a Rússia. No mês passado, o Departamento de Estado aprovou a venda de sistemas de mísseis Patriot ao país, no valor de US$ 3,5 bilhões. Ancara respondeu dizendo que consideraria os Patriot, mas que isso não afetaria o contrato dos S-400.

    As autoridades dos EUA caracterizaram a possível implantação dos S-400 em áreas onde os caças F-35 estão programados para operar como uma "ameaça", presumivelmente porque o sistema permitiria que a Turquia testasse as capacidades dos sistemas furtivos dos F-35 quando comparados com o sistema de defesa aérea russo.

    Mais:

    Índia receberá sistemas S-400 'a tempo e sem atrasos', assegura MRE russo
    EUA enviarão equipe à Turquia para tentar barrar compra do sistema russo S-400
    Mídia informa sobre 'última tentativa' dos EUA de bloquear entregas dos S-400 à Turquia
    Ministério da Defesa indiano: entrega de sistema russo S-400 agendada para início de 2020
    Tags:
    acordo militar, sistemas de defesa aérea, compra, Patriot, S-400, Ibrahim Kalin, Mevlut Cavusoglu, Turquia, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar