05:21 09 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Manifestante com a bandeira da Palestina

    Palestina passa a ser Estado-membro da OPAQ

    © REUTERS / Mohamad Torokman
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 52
    Nos siga no

    O governo palestino decidiu aderir à Convenção sobre Armas Químicas, anunciou nesta quarta-feira a Organização para Proibição das Armas Químicas (OPAQ), com sede na cidade de Haia, na Holanda.

    "O Estado da Palestina depositou o instrumento de adesão à Convenção sobre as Armas Químicas", anunciou a OPAQ em um comunicado.

    O comunicado foi feito exatamente um dia após os palestinos acusarem Israel de cometer crimes de guerra na Faixa da Gaza ao Tribunal Penal Internacional (TPI).

    A OPAQ contava até hoje com 192 integrantes que se comprometeram a "eliminar de forma permanente" o uso de armas químicas. A Palestina passou a ter o status de "Estado observador" na ONU em 2012 e desde então tem tentado fazer parte da maioria das organizações existentes para conseguir mais reconhecimento no cenário internacional.

    Mais:

    Norte-americanos 'são ocupadores da terra palestina assim como os israelenses'
    Rússia está pronta para sediar encontro entre Israel e Palestina
    Palestina retira seu embaixador de Washington em retaliação aos EUA
    Independente do acordo de paz com Palestina, Jerusalém será capital de Israel
    Enviado da Palestina acusa Israel de ter ligações com terroristas da Frente al-Nusra
    Embaixada dos EUA em Jerusalém 'dá vida a conflito religioso', diz autoridade palestina
    Tags:
    Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ), Palestina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar