01:01 25 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Militares do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (foto de arquivo)

    Representante do líder supremo: Irã pode destruir Israel

    © REUTERS / MORTEZA NIKOUBAZL
    Oriente Médio e África
    URL curta
    273011

    O representante do líder supremo do Irã na Força Quds - uma unidade de forças especiais da Guarda Revolucionária Iraniana - afirmou nesta quinta-feira que "o Irã pode destruir Israel".

    O representante do aiatolá, clérigo Ali Shirazi, também alertou Israel para que evite cometer "erros estúpidos, se quiser continuar sua existência traiçoeira", informou a agência de notícias Fars.

    "Se Israel quiser continuar sua existência traiçoeira… deve evitar medidas estúpidas. Se eles derem pretexto ao Irã, Tel Aviv e Haifa serão destruídas. O Irã pode destruir Israel", disse o representante do líder supremo aiatolá Ali Khamenei na força Quds à agência de notícias Fars.

    As duas potências regionais se envolveram em uma troca de acusações mútuas, alegando que o rival patrocina terroristas e pretende desestabiliza a região.

    No início do mês, dois caças israelenses F-16 atacaram a base aérea T-4, na província de Homs, na Síria. Cerca de metade dos mísseis disparados pelos aviões de combate foram interceptados pelas defesas aéreas sírias antes de atingirem seus alvos, mas os mísseis restantes mataram sete militares iranianos, provocando protestos de Teerã e Damasco.

    O Irã é um dos poucos países que se recusam a reconhecer o Estado de Israel e foi acusado de tentar desenvolver armas nucleares para ameaçar e, potencialmente, destruir Israel.

    Mais:

    Israel não permitirá que Irã avance em direção à sua fronteira, diz analista
    Especialista: se EUA atacarem Síria, Irã responderá com força total
    Irã promete permanecer em Damasco contra a 'agressão estrangeira' dos EUA e de Israel
    Irã atacará Israel ou mostrará moderação?
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik