03:18 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro israelense

    Netanyahu é questionado por horas pela Polícia israelense em investigação sobre corrupção

    © REUTERS/ Stephane Mahe
    Oriente Médio e África
    URL curta
    441

    A polícia israelense confirmou que o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu foi questionado por várias horas em sua residência em Jerusalém no sábado. A entrevista marcou a sexta vez que o primeiro-ministro foi interpelado pela polícia por em uma investigação sobre corrupção.

    "Confirmamos que o primeiro-ministro foi questionado por várias horas em sua residência em Jerusalém como parte da investigação liderada pelo Lahav 433 [Unidade Nacional de Investigação Criminal]", afirmou a polícia.

    Contra Netanyahu pesam o Caso 1000, que analisa se o primeiro-ministro recebeu presentes de empresários em troca de favores e o Caso 2000, um suposto acordo entre Netanyahu e o editor do jornal Yedioth Ahronoth, Arnon Mozes, sobre a suavização de críticas na cobertura dos atos do primeiro-ministro em troca do enfraquecimento de outro jornal concorrente.

    O primeiro-ministro refutou as alegações de atividades ilegais dizendo que os supostos vínculos estreitos com Mozes foram concebidos pela mídia para enganar o público.

    A imprensa local informou anteriormente que a polícia israelense estava em posse de gravações de conversas entre o primeiro-ministro e o magnata da mídia.

    Tags:
    corrupção, mídia, Caso 2000, Caso 1000, Yedioth Ahronoth, Lahav 433, Arnon Mozes, Benjamin Netanyahu, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik