16:04 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    305
    Nos siga no

    A Sputnik teve acesso aos salários dos terroristas do Daesh - e os números estão em queda. As informações estão em documentos de contabilidade encontrados em Mossul pela Polícia Federal do Iraque.

    Os valores são referentes ao mês de Muharram, o primeiro mês do calendário muçulmano e que teve início no dia 3 de outubro de 2016, no calendário gregoriano. A remuneração varia de acordo com o estado civil e o número de filhos do combatente.

    Solteiros foram os com a menor remuneração: US$ 72 dólares. O Daesh ainda reteve US$ 40 deste valor para custos de alimentação. Ou seja, o salário líquido de um jihadista nesta categoria foi de US$ 32.

    A lista também permite verificar casos concretos. O combatente Abu Jana, nascido em 1991, é casado e tem três filhos. Seu salário foi US$ 184. Já Abu Naser, nascido em 1962, é casado e tem 6 filhos. Sua remuneração foi de US$ 256. Todos os combatentes devem pagar a contribuição obrigatória de US$ 40 para ajudar com os custos de alimentação.

    Uma fonte local informou à Sputnik que os valores variavam de acordo com as circunstâncias, mas nunca excederam os US$ 300. Combatentes com sequelas de ataques e incapazes de atuar recebiam pagamentos generosos, indicou a mesma fonte.

    Já os chefes do Daesh, uma fonte informou à Sputnik, recebem salários maiores que US$ 500 e uma renda adicional obtida pela venda dos bens saqueados.

    Os números são substancialmente menores do que os divulgados pela Sputnik em 2016. À época, foi descoberto que os salários dos jihadistas estrangeiros durante os primeiros anos de domínio Daesh nas províncias de Nínive e Ambar era de US$ 1.300. Além disso, combatentes estrangeiros tinham direito a uma casa, carro, combustível e uma concubina. Já os terroristas de regiões próximas recebiam o pagamento de US$ 600.

    Mais:

    Coreia do Norte x Daesh: de quem os norte-americanos têm mais medo?
    General americano: ainda há focos de resistência do Daesh em Mossul
    Exército sírio consegue mais um avanço e corta meios de comunicação do Daesh (VÍDEO)
    Parlamentares russos recebem com cautela a notícia da morte do líder do Daesh
    Confira mapa da ofensiva contra Daesh na Síria
    Militar norte-americano suspeito de ligações com Daesh é detido no Havaí
    Daesh confirma morte do seu líder
    Tags:
    Daesh, Sputnik
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar