11:30 20 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    10612
    Nos siga no

    O presidente do Curdistão, Massoud Barzani, se encontrou com o embaixador dos Estados Unidos no Iraque, Douglas Silliman, para falar sobre o final da operação para libertar a cidade de Mossul e sobre o referendo de independência da região.

    "Durante a reunião, o presidente Barzani e o embaixador Silliman falaram sobre inúmeros assuntos, incluindo a operação de Mossul, a questão do deslocamento interno de pessoas e do referendo de independência curdo", diz a nota divulgada pelo governo regional. 

    Os curdos, que representam em média 20% da população iraquiana, têm buscado a independência há décadas. Em 2005, o Iraque decidiu reconhecer o Curdistão como uma região autônoma, mas ainda ligada ao poder central. 

    "O presidente destacou que todas as medidas tomadas após o referendo serão através do diálogo com todas as partes envolvidas, principalmente Bagdá."

    A expectativa é a de que a consulta popular sobre a independência da região ocorra em 25 de setembro.

    Mais:

    Curdos planejam libertar o norte da Síria da 'invasão turca'
    Curdos vão ceder base aérea na Síria para EUA
    Curdistão iraquiano espera por investimentos russos em petróleo e gás
    Independência de Curdistão: como será o Iraque depois do Daesh?
    Tags:
    autonomia, independência, Douglas Silliman, Massoud Barzani, Bagdá, Mossul, Curdistão, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar