17:56 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Cidade síria de Aleppo, 3 de setembro de 2016

    Exército sírio avança no leste de Aleppo pela primeira vez em 3 anos

    © Sputnik / Mikhail Alaeddin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    14202
    Nos siga no

    O Exército sírio liberou a maior parte do bairro de Al-Farafira, a noroeste da cidadela de Aleppo, disse à agência RIA Novosti uma fonte próxima ao estado-maior de operações militares de Aleppo.

    "Pela primeira vez em vários anos, conseguimos fazer avançar a frente em Aleppo. Conseguimos liberar mais de metade do bairro de Al-Farafira. Os terroristas recuaram e a operação continua", disse a fonte.

    Segundo o entrevistado, o bairro pode ser limpo nas próximas horas. Ao recuar, os terroristas deixaram munições e armas, inclusive metralhadoras de grande calibre. O Exército governamental não sofreu baixas. Alguns dos militares ficaram feridos.

    A operação em Al-Farafira começou na madrugada de terça-feira (27).

    Por seu turno, a agência Reuters, citando representantes da oposição armada síria, informou que as tropas governamentais estão mobilizando forças para realizar uma ofensiva terrestre no leste da província de Aleppo ocupada pelos terroristas.

    Além disso, a agência citou um comandante da milícia iraquiana que luta ao lado do governo sírio, que informou que as forças do Exército, junto com militantes da unidade de elite Forças do Tigre (NIMR), iniciaram o avanço de veículos blindados e tanques para os bairros do leste de Aleppo.

    Ainda antes, o comando do Exército sírio tinha anunciado o início da operação militar na parte leste de Aleppo, que está sob controle dos terroristas.

    Mais:

    Oposição síria em Moscou: coalizão internacional pode vencer terrorismo
    Conselheira de Assad diz que Turquia interviu unilateralmente na Síria
    EUA impõem termos à Rússia para firmar novos acordos sobre Síria
    Coalizão liderada pelos EUA lança 27 ataques aéreos na Síria e no Iraque
    Representante da Síria: inteligência síria tem gravação de conversa entre Daesh e EUA
    'Agora tudo depende da Rússia, Irã e Síria'
    Tags:
    operação, ofensiva, terrorismo, Daesh, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar