11:45 07 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Ativistas a favor da abolição das armas nucleares com máscaras de Donal Trump e Kim Jong-un em frente à embaixada da Coreia do Norte em Berlim, 13 de setembro de 2017

    Trump: 'O louco do Kim Jong-un será testado como nunca antes'

    © AFP 2019 / Britta Pedersen / dpa
    Mundo
    URL curta
    2397
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Donald Trump, augurou tempos difíceis para o líder norte-coreano, Kim Jong-um, que ele acusou de "matar o seu povo ou condená-lo à fome".

    O ataque de Trump no Twitter apareceu logo após ele ter assinado a nova ordem executiva que amplia as sanções contra Pyongyang e ter ameaçado "destruir totalmente a Coreia do Norte", em caso de ameaças imediatas. Além disso, Trump chamou Kim de "Homem Foguete".

    "Kim Jong-un da Coreia do Norte, que é naturalmente um louco que não se importa de matar ou condenar à fome seu povo, será testado como nunca antes"

    A Coreia do Norte não tardou a responder prometendo testar uma nova bomba de hidrogênio no Pacífico. Kim acusou Trump de exibir "um comportamento mentalmente perturbado", ameaçando dar uma resposta dura.

    "Agora que Trump fez a 'mais feroz declaração de guerra da história', que ele vai destruir a Coreia do Norte, vamos considerar seriamente a realização do mais alto nível de contramedida de linha dura", disse Kim Jong-un, citado pela agência norte-coreana KCNA.

    As tensões em torno do programa nuclear e de mísseis da Coreia do Norte têm aumentado nos últimos meses após Pyongyang ter testado vários projéteis que sobrevoaram o território do Japão, provocando críticas na comunidade internacional.

    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar