00:19 18 Julho 2018
Ouvir Rádio
    O presidente filipino, Rodrigo Duterte, durante participação no Fórum Econômico de Tóquio, no Japão, em 26 de outubro de 2016

    Presidente filipino xinga deputados europeus

    © REUTERS / Kim Kyung-Hoon
    Mundo
    URL curta
    23130

    O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, criticou duramente a União Europeia por sua hipocrisia, dizendo que os parlamentares do Velho Continente não passam de uns filhos da p***.

    Conhecido por sua política de intolerância a qualquer tipo de atividade relacionada às drogas, o líder filipino ficou indignado com um recente pedido feito por deputados da UE para que ele tentasse combater os narcóticos no país implementando programas de desintoxicação e readaptação para os usuários. Em discurso para investidores chineses, nesta sexta-feira, Duterte defendeu firmemente a sua posição, dizendo que não precisava da Europa ou de abordagens idiotas para resolver esse problema nas Filipinas.

    "A UE, eles falaram com a gente, e eles querem uma solução sanitária para as drogas. Esses filhos da p***…", declarou o presidente, citado pela Reuters. 

    De acordo com o chefe de Estado, a política de reabilitação da União Europeia envolve a administração de drogas como maconha, cocaína e heroína, algo com o qual ele não poderia concordar. 

    "Eles querem que a gente construa clínicas ao invés de prender, de colocá-los na prisão. Você vai para lá e, se quiser shabu, eles vão injetar e te dar shabu, e depois você sai", disse ele, se referindo às metanfetaminas. "Nosso povo vai para lá e consumir todos os tipos de químicos até que o reino venha, até que fiquem loucos. Quem vai responder por isso?", questinou. 

    Segundo dados das Nações Unidas, mais de 6 mil pessoas já morreram em operações ligadas ao combate às drogas desde a chegada de Duterte ao poder, em 30 de junho de 2016. 

    Mais:

    Presidente das Filipinas está de olho nos navios da Marinha portuguesa
    Duterte acusa EUA de construir arsenal permanente nas Filipinas - e ameaça responder
    Duterte espera que Rússia se torne aliada e protetora das Filipinas
    Presidente das Filipinas pode ter parentes ligados com Daesh
    Presidente das Filipinas ameaçou ‘colocar fogo na ONU’
    Tags:
    heroína, cocaína, maconha, metanfetamina, narcotráfico, drogas, shabu, Reuters, União Europeia, Nações Unidas, Rodrigo Duterte, Europa, Filipinas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik