17:34 05 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    7191
    Nos siga no

    Por muito tempo, os EUA têm sido o principal aliado da Europa, mas levando em conta o caráter dos desafios de segurança contemporâneos, chegou a hora da Rússia de tornar um aliado com privilégios para a União Europeia, afirmou o deputado do Parlamento Europeu Younous Omarjee.

    "Tendo consciência do caráter global dos desafios à segurança, sejam os ciberataques ou o terrorismo, é preciso dar prioridade a uma cooperação global que vá além da simples defesa dos interesses", frisou o político.

    O deputado também destacou que "não se pode esquecer de que, ao longo dos últimos anos, os EUA têm sido o principal aliado [para a UE]". Porém, "chegou a altura em que a Rússia deve virar nosso parceiro privilegiado, parceiro com o qual, além de tudo, estamos no mesmo continente", disse Omarjee, citado pelo jornal Izvestia.

    Segundo diz a edição, o político realçou que a União Europeia está enfrentando um objetivo de formar uma aliança militar europeia que possa assumir posições mais fortes do que a OTAN, que, de acordo com Omarjee, no primeiro lugar serve aos interesses dos Estados Unidos.

    "Uma aliança militar europeia, caso seja criada, deve garantir a cooperação com a Rússia em todo o leque de assuntos… Não quero dizer criar uma aliança com Moscou. Porque a Rússia tem suas próprias prioridades e interesses, bem como força militar capaz de desequilibrar qualquer bloco militar", resumiu o deputado.

    Mais:

    Chefe da diplomacia europeia: Rússia e UE poderão se unir contra Trump
    Candidata à presidência francesa: 'União Europeia virou uma religião'
    Opinião: OTAN deveria ir para o monturo da história com a Guerra Fria
    Tags:
    desafios, cooperação, parceria, aliança, OTAN, União Europeia, EUA, Rússia, Europa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar