21:26 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Brasil e Cuba conquistaram as vagas da América Latina no conselho

    Rússia perde e Brasil conquista vaga no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas

    Beto Barata/PR
    Mundo
    URL curta
    68534
    Nos siga no

    A Assembleia Geral das Nações Unidas definiu nesta sexta-feira, 28, 14 países que ocuparão vagas no Conselho de Direitos Humanos da ONU a partir de 2017. O Brasil, que recebeu 137 votos, volta ao órgão após um ano de afastamento, enquanto a Rússia, que ocupa atualmente uma cadeira no conselho, não conseguiu sua reeleição.

    A América Latina tinha direito a duas vagas nessa eleição. Além de Brasil, concorreram Cuba e Guatemala. A ilha caribenha, que já fazia parte do órgão, garantiu um novo mandato com 160 votos, sob protestos de alguns grupos de ativistas. 

    Na Europa Oriental, onde também havia duas vagas abertas, a Rússia acabou ficando atrás de Hungria e Croácia na disputa e terá de deixar o conselho no final deste ano. 

    Também foram eleitos nesta sexta-feira Iraque, Arábia Saudita, Egito, Ruanda, China, África do Sul, Japão, Tunísia, Estados Unidos e Reino Unido. Eles ficarão no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas pelos próximos três anos.

    Mais:

    EUA envia diplomatas a Cuba para discutir direitos humanos
    ONU aprova resolução sobre 'direitos humanos na internet'
    Tags:
    direitos humanos, ONU, Croácia, Hungria, Guatemala, Reino Unido, EUA, Tunísia, Ruanda, Iraque, Egito, Arábia Saudita, Japão, África do Sul, China, Cuba, Brasil, Rússia, Europa Oriental, América Latina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar