Kremlin reage aos apelos de expulsar Rússia do Conselho de Direitos Humanos da ONU

© AFP 2022 / RICHARD JUILLIART Delegates are seen beneath a ceiling painted by Spanish artist Miquel Barcelo during 28th Human Rights Council at the United Nations headquarters in Geneva on March 2, 2015.
Delegates are seen beneath a ceiling painted by Spanish artist Miquel Barcelo during 28th Human Rights Council at the United Nations headquarters in Geneva on March 2, 2015. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Falando sobre as acusações contra a Rússia feitas por defensores dos direitos humanos, o porta-voz do presidente russo Dmitry Peskov lamentou a existência de duplos padrões na ação dos ativistas.

"A ação dos ativistas, que apelaram para que a Rússia seja excluída do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, seria mais persuasiva se estes fossem mais coerentes e também condenassem as ações dos terroristas na Síria", disse o porta-voz do presidente russo Dmitry Peskov.

O jornal britânico The Independent comunicou há pouco que mais de 80 organizações apelaram a excluir a Rússia do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas por realizar operações militares na Síria.

Os ativistas levantaram esta questão na véspera da votação sobre a composição do Conselho de Direitos Humanos. Os candidatos a representar a Europa do Leste serão a Rússia, a Hungria e a Croácia.

"Falando a verdade, gostaríamos de ver estas organizações a se comportarem de modo mais ativo a respeito das atrocidades cometidas por combatentes radicais ao longo dos últimos anos na Síria", confessou Peskov ao falar do incidente.

Integrantes do Conselho de Segurança da ONU - Sputnik Brasil
Declaração russa sobre demarcação entre oposição e terroristas foi bloqueada no CS da ONU
"Se estas organizações fossem coerentes e decididas ao analisar da mesma forma a atividade terrorista e os esforços daqueles que lutam contra os militantes, creio que a sua ação seria mais convincente e digna", adiantou o representante oficial do Kremlin.

Ao responder se a Rússia está disposta a resolver todo este assunto de algum modo, Peskov sublinhou:

"Já falei tudo o que pretendia".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала