17:45 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    O quebra-gelo nuclear Yamal durante pesquisas no Mar de Kara, no âmbito da maior expedição mundial no Ártico, em 2015

    Almirante americano diz que atividades russas no Ártico são defensivas

    © Sputnik/ Valeriy Melnikov
    Mundo
    URL curta
    1128671

    Todas as atividades russas no Ártico têm caráter defensivo e, por esse motivo, não há necessidade de novos acordos com os Estados Unidos nessa região, segundo opinou em entrevista à Sputnik o almirante Robert Papp, representante especial dos EUA para o Ártico.

    De acordo com o Departamento de Defesa norte-americano, a Rússia é, atualmente, a nação mais desenvolvida em termos de estrutura militar nessa área do globo. No entanto, para Papp, isso não deve ser motivo de preocupação. 

    "Nós acompanhamos as atividades militares com uma boa dose de preocupação, mas não vi nada até agora que me dê motivos para reagir", afirmou o almirante. "Tudo que eu tenho visto a Rússia fazer parece ter natureza defensiva, não tentando mudar o equilíbrio no Ártico. Então, enquanto assistimos aos desenvolvimentos com preocupação, não estamos excessivamente preocupados". 

    Para o militar, a atual situação não justifica a necessidade de novos acordos entre as potências no que diz respeito a essa região

    "O que eu vejo é renovação de infraestrutura, com aeroportos, sensores, capacidades de comunicação, coisas que uma nação ártica, com uma grande costa, precisa fazer para garantir a segurança dos navios que transitam naquela área". 

    Em 2013, o governo russo anunciou uma estratégia para aumentar a sua presença no Ártico. No ano passado, o presidente Vladimir Putin aprovou uma revisão da doutrina marítima do país priorizando a proteção dos interesses nacionais na zona. Com isso, a Rússia vem investindo no desenvolvimento militar e comercial e em atividades de exploração e construindo instalações de diversos tipos na região. 

    Mais:

    Rússia abre novo campo de petróleo no Ártico
    Noruega explora com a Rússia recursos do Ártico apesar das sanções
    Vidas e paisagens no deslumbrante Ártico russo
    Rússia terá mais de dez centros de emergência e resgate no Ártico
    Cientistas russos instalarão uma base no Ártico
    Navios de guerra se dirigem ao Ártico para assegurar presença militar russa
    Tags:
    Vladimir Putin, Robert Papp, Ártico, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik