08:47 26 Junho 2019
Ouvir Rádio
    O presidente russo Vladimir Putin. 12 de junho de 2016

    Putin concede perdão a dois ucranianos condenados na Rússia

    © Sputnik / Mikhail Klimentiev
    Mundo
    URL curta
    223

    O presidente russo, Vladimir Putin, concedeu um indulto nesta terça-feira (14) a dois cidadãos ucranianos, Gennadi Afanasyev e Yuri Soloshenko, ambos condenados pela Justiça na Rússia, segundo informou o Kremlin.

    Afanasyev foi investigado e condenado a sete anos de prisão pelo Tribunal de Moscou em agosto de 2015 por envolvimento na criação de uma organização terrorista na Crimeia cujo objetivo seria a preparação de ataques terroristas.

    Em outubro de 2015, Soloshenko, ex-diretor da empresa industrial militar ucraniana Znamia, também foi condenado a seis anos de prisão por espionagem a favor da Ucrânia.

    Em março de 2016, o Ministério da Justiça ucraniano solicitou ao Ministério da Justiça russo a extradição dos dois com base na Convenção de 1983 relativa à transferência de pessoas condenadas, alegando o "grave estado" em que Afanasyev e Soloshenko se encontram.
    A ordem presidencial de clemência para os dois tem efeito a partir de hoje, 14 de junho.

    Mais:

    União Europeia endurece regime de vistos para ucranianos
    Milícias de Donetsk capturam espião ucraniano
    Presidente ucraniano promete retorno de Donbass e Crimeia depois de Savchenko
    Tags:
    ucranianos, espionagem, prisão, liberdade, perdão, indulto, Yuri Soloshenko, Gennadi Afanasyev, Vladimir Putin, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar