21:23 20 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Carro de dois suspeitos negros mortos após uma perseguição pela polícia dos EUA, em Cleveland.

    China critica situação deteriorada dos direitos humanos nos EUA

    © AP Photo / Aaron Josefczyk
    Mundo
    URL curta
    6132

    A situação dos direitos humanos nos EUA se deteriorou em 2015, de acordo com um relatório oficial da China.

    O documento foi publicado em resposta ao relatório dos EUA sobre direitos humanos em 199 países que, entre outras coisas, denunciou o assédio sofrido por advogados que trabalham em casos que o governo chinês considera sensíveis. Por sua vez, a China acusou os EUA de divulgar violações de outros países sem mostrar qualquer melhoria na situação dos direitos humanos em seu próprio território.

    O relatório da China concentra-se no número de mortes causadas pelo uso abusivo de armas pela polícia dos EUA. Em 2015, 965 pessoas morreram baleadas pela polícia norte-americana, além de terem sido registrados 51.675 incidentes com armas de fogo que deixaram 13.136 mortos e 26.493 feridos.

    Mais:

    Caravana encerra na Cidade do México manifestação por direitos humanos de indígenas
    Moscou adverte Erdogan sobre violação dos direitos humanos
    Apple vs FBI: Uma questão de direitos humanos
    ONU acusa Kiev de atrapalhar investigação sobre violações de direitos humanos na Ucrânia
    Tags:
    mortes, armas de fogo, polícia, direitos humanos, relatório, EUA, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik