22:12 03 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)
    15327
    Nos siga no

    Os Estados Unidos não querem se engajar em uma guerra por procuração com a Rússia na Síria, através do apoio das duas potências a forças locais em combate, segundo afirmou o porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, John Kirby, nesta quinta-feira.

    "Todos devem dar um passo atrás aqui. Uma guerra por procuração com a Rússia é um evento que ninguém quer", disse Kirby durante coletiva de imprensa, acrescentando que a Síria precisa de melhores alternativas para a redução dos conflitos. 

    Mais cedo, o senador americano John McCain, presidente do Comitê das Forças Armadas, havia declarado que os EUA deveriam atacar instalações de importância para o regime sírio, em resposta a supostos ataques aéreos russos contra grupos rebeldes apoiados pelos Estados Unidos na Síria, configurando exatamente essa guerra por procuração que o Departamento de Estado disse querer evitar. 

    Tema:
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)

    Mais:

    EUA e Rússia discutem possibilidade de coordenar ações na Síria
    Presidente do Egito elogia Rússia por papel estabilizador na Síria
    Terroristas “moderados” da Síria recebem “todo tipo de ajuda estrangeira”, diz ministro
    Síria aceitaria hospedar novas bases militares russas
    Tags:
    Rússia, EUA, Síria, John McCain, John Kirby, Departamento de Estado dos EUA, guerra por procuração
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar