17:19 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Defesa da Rússia (214)
    0431
    Nos siga no

    O vice-CEO da United Instrument Manufacturing Corporation (UIMC), Sergei Skovov, anunciou nesta terça-feira (29) que uma tecnologia produzida na Rússia permitirá aos drones do país uma precisão visual muito maior do que a atual. O sistema foi batizado de “olho que tudo vê”.

    O novo equipamento será colocado nos drones de observação Corsair. O executivo explicou à RIA Novosti que o sistema identifica tudo que está em seu campo de visão, “independente das tentativas do inimigo de esconder algo ou de enganar”.

    Skokov afirmou que o uso desses módulos aumentará significativamente a eficácia da vigilância e monitoramento aéreos da superfície da Terra. “Este é um meio muito preciso de monitoramento, recebendo não apenas ‘pixels’, mas um espectro único capaz de distinguir uma rede de camuflagem na grama, bem como a diferenciação entre um objeto natural e um artificial”.

    “Está sendo criado um módulo de processamento de um fluxo de dados hiper espectral. A chave para a tecnologia são as características únicas da radiação espectral que cada material ou assunto tem. Ao processar essas características, o nosso equipamento pode identificar o que exatamente está em seu campo de visão”, disse Skokov.

    Tema:
    Defesa da Rússia (214)
    Tags:
    Rússia, Corsair, olho que tudo vê, avião, vigilância, observação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar