17:55 23 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 04
    Nos siga no

    Impedidos de cruzar a fronteira da Hungria, refugiados vindos através da Sérvia continuam tentando forçar sua passagem apedrejando a barreira policial húngara, que em resposta está fazendo uso de jatos d'água para conter os migrantes, reportou nesta quarta-feira, 16, um correspondente da Sputnik presente no local.

    Os policiais chegaram a usar spray de pimenta contra os refugiados quando estes tentaram forçar a cerca com arame farpada recentemente erguida entre os dois países. As autoridades húngaras estão enviando reforços para o local, incluindo a força especial do Centro Nacional de Anti-terrorismo.

    Anterioremente milhares de refugiado de países da África e do Oriente Médio chegados à fronteira da Hungria através da Sérvia montaram um acampamento em território neutro na altura do posto de controle "Horgos-Rёske". Segundo dados da polícia local, já encontram-se no local cerca de 5 mil pessoas, que almejam cruzar o território húngaro para chegar à Áustria e, em seguida, o território da Alemanha.

    Na terça-feira, 15, a Hungria fechou sua fronteira e instituiu punições de 3 anos de prisão ou deportação à Sérvia para migrantes que tentarem entrar ilegalmente no território do país.

    Mais:

    Refugiados são alojados em campo de concentração
    Hungria fecha passagem a imigrantes
    Tags:
    refugiados, imigrantes, crise migratória, polícia, União Europeia, Sérvia, Hungria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar