00:39 07 Março 2021
Ouvir Rádio
    • Militar da Guarda Nacional em serviço em uma das ruas perto do edifício do Capitólio, Washington, EUA
    • Rua fechada para a tomada de posse do presidente eleito democrata Joe Biden em 20 de janeiro de 2021, Washington, EUA
    • Mulher tira selfie na frente de soldados da Guarda Nacional em Washington, Estados Unidos, 17 de janeiro de 2021
    • Manifestantes em uma das ruas perto do Capitólio em Washington, EUA
    • Militares da Guarda Nacional falam com um morador de Washington dias antes da tomada de posse de Joe Biden, Estados Unidos
    • Caminhões militares bloqueiam acesso ao Capitólio em Washington, Estados Unidos, 17 de janeiro de 2021
    • Tropas da Guarda Nacional recebem armas no Capitólio em meio ao reforço da capital norte-americana devido à tomada de posse do presidente eleito Joe Biden, Washington, Estados Unidos, 17 de janeiro de 2021
    • Militares da Guarda Nacional vigiam os arredores do edifício do Capitólio, Washington, EUA
    • Soldados da Guarda Nacional perto do Capitólio para a segurança da capital norte-americana pela tomada de posse do presidente eleito Joe Biden, Washington, Estados Unidos, 17 de janeiro de 2021
    • Militares da Guarda Nacional vigiam os arredores do edifício do Capitólio, Washington, EUA
    • Cerca de metal em uma das ruas perto do Capitólio, Washington, Estados Unidos
    • Soldados da Guarda Nacional em serviço dias antes da tomada de posse de Joe Biden, Washington, EUA.
    • Militares da Guarda Nacional em uma das ruas perto do edifício do Congresso em Washington, Estados Unidos
    • Guarda Nacional vigia cidade de Washington dias antes da tomada de posse do presidente eleito Joe Biden
    • Soldados da Guarda Nacional em serviço dias antes da tomada de posse de Joe Biden, Washington, EUA
    © Sputnik / Stringer
    Militar da Guarda Nacional em serviço em uma das ruas perto do edifício do Capitólio, Washington, EUA.

    As medidas de segurança de Washington foram aumentadas para a posse do presidente eleito Joe Biden, que acontecerá em 20 de janeiro.

    As autoridades reforçaram os protocolos de segurança de Washington, por haver indícios de que alguns trumpistas, que não concordam com a derrota de Donald Trump, planejem protestar contra a tomada de posse de Joe Biden.

    Departamento Federal de Investigação (FBI, na sigla em inglês) revistou todos os 25 mil militares da Guarda Nacional para ajudarem a garantir a segurança na posse de Biden em 20 de janeiro.

    Mais:

    Trump planeja partir de Washington na manhã do dia da posse de Biden
    Trump quer saber quem foram os 10 republicanos que votaram contra ele no processo de impeachment
    EUA: homem é detido com arma próximo a perímetro de segurança em Washington
    Tags:
    militares, Guarda Nacional, presidente, tomada de posse, Donald Trump, Joe Biden, EUA, Washington
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar

    Mais fotos