06:01 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    355
    Nos siga no

    De acordo com fontes policiais, o autor do ataque foi detido. Serviços de emergência e policiais foram enviados ao local do crime.

    Quatro pessoas foram esfaqueadas por um homem armado com facão na Avenida Richard-Lenoir, em Paris, segundo mídia que cita autoridades policiais.

    Polícia declarou que o suspeito foi detido, sem haver buscas por outros suspeitos. Anteriormente, mídia relatou haver dois suspeitos do ataque.

    Mais cedo, a Polícia de Paris informou através do Twitter que uma operação está em curso no local de ataque, e pediu que cidadãos evitassem a avenida. No entanto, não foram fornecidas informações adicionais sobre a operação.

    ​Pelo menos três pessoas foram esfaqueadas em Paris perto da antiga sede de Charlie Hebdo, operação policial está em curso. 

    Entretanto, France Info, ao citar uma fonte da polícia, informou que as autoridades capturaram o segundo suspeito do ataque.

    O primeiro-ministro francês afirmou em declaração transmitida pela rádio France Info que dois dos feridos estavam em estado grave.

    Em 7 de janeiro de 2015, dois terroristas invadiram o escritório do jornal satírico Charlie Hebdo, em Paris, e abriram fogo contra os jornalistas. Os criminosos estavam furiosos por causa da representação satírica do Profeta Maomé publicada pela edição.

    O ataque causou a morte de 12 pessoas. Passados dois dias, os terroristas foram mortos a 40 quilômetros da capital francesa.

    Mais:

    França recorda o aterrorizante atentado de Charlie Hebdo que ocorreu há 2 anos
    Sirenes soam ao sul de Israel alertando para possíveis ataques de Gaza
    Ataques aéreos no Afeganistão deixam 12 civis mortos, incluindo crianças
    Tags:
    ataque, Paris, Charlie Hebdo, esfaqueamento, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar