02:16 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    31328
    Nos siga no

    Vários diplomatas russos foram expulsos da Eslováquia por suspeita de espionagem, informou a Bloomberg nesta segunda-feira (10), citando uma autoridade não identificada.

    A informação do site foi confirmada posteriormente pelo Ministério das Relações Exteriores da Eslováquia, que detalhou estar expulsando três diplomatas da Rússia do país.

    "De acordo com informações dos serviços de inteligência eslovacos, suas atividades estavam em contradição com a Convenção de Viena sobre relações diplomáticas", declarou um porta-voz do ministério em comunicado.

    A decisão foi tomada na semana passada pelo novo governo do primeiro-ministro Igor Matovic. Os representantes russos devem deixar o país até o final da semana.

    Enquanto isso, a embaixada russa na Eslováquia informou que não vai comentar relatos sobre a expulsão de diplomatas russos por suposta espionagem.

    O Ministério das Relações Exteriores da Rússia prometeu uma resposta simétrica à expulsão de diplomatas russos da Eslováquia.

    "Tradicionalmente, a resposta espelhada seguirá", disse o ministério.

    Em junho, dois diplomatas russos foram declarados persona non grata na República Tcheca. A Rússia descreveu a decisão como uma provocação.

    Essa não será a primeira vez que a Eslováquia expulsa membros da diplomacia russa do seu território. Em dezembro de 2018, um representante da Rússia deixou o país também por uma acusação de espionagem, informou a agência Reuters à época.

    Mais:

    Eslováquia expulsa diplomata russo acusando-o de espionagem
    Dois MiG-29 são acionados na Eslováquia após avião comercial 'ficar em silêncio'
    Presidente da Eslováquia pode ser obstáculo para acordo Mercosul-UE, diz diplomata
    Tags:
    espionagem, expulsão, diplomacia, diplomatas, Bloomberg, Rússia, Eslováquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar