23:54 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)
    0 30
    Nos siga no

    Os Países Baixos superaram o pico da epidemia do coronavírus, disse à Sputnik o porta-voz do Instituto Nacional de Saúde Pública e Meio Ambiente, Coen Berends. 

    "O pico [da epidemia] foi detectado entre o final de março e início de abril, e depois se observou uma queda", afirmou ele. 

    Berends disse ainda que desde 18 de abril o número de novos casos da infecção e de mortes começou a cair. Ao mesmo tempo, a quantidade de pessoas hospitalizadas passou a diminuir a partir do final de março. 

    Durante o pico da epidemia, o número de pacientes que precisava de cuidados intensivos variava entre 1.200 e 1.300. Agora, esse número fica entre 600 e 700 pacientes. 

    Situação ainda exige 'cautela'

    "A situação está sob controle, mas atuamos de maneira muito cautelosa para evitar um novo pico da infecção, por isso medidas de restrição permanecem", afirmou o porta-voz. 

    Berendes não descartou a possibilidade da epidemia do coronavírus durar até o final do ano. 

     Até o momento, os Países Baixos registram 41.774 casos da COVID-19 e 5.288 mortes.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 e o mundo no início de maio (100)

    Mais:

    Trump diz não acreditar que China vazou coronavírus de propósito
    ONU: pandemia de coronavírus gera 'tsunami de ódio e xenofobia'
    Doria anuncia prorrogação da quarentena em SP até 31 de maio
    Tags:
    quarentena, Holanda, Países Baixos, epidemia, pandemia, COVID-19, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar