10:54 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    575
    Nos siga no

    Um tribunal do leste da Alemanha condenou oito nacionalistas de extrema direita sob a acusação de planejar derrubar violentamente o Estado.

    O tribunal regional de Dresden condenou nesta terça-feira um dos homens acusados por formar uma "organização terrorista", enquanto os outros sete por serem membros do grupo, chamado Revolução Chemnitz, informa a Associated Press.

    ​Cinco dos acusados também foram considerados culpados de séria violação da paz, enquanto um foi condenado por lesão corporal. As penas de prisão variam de 27 meses a 5 anos e meio, e as idades vão de 22 a 32 anos.

    Os promotores federais argumentaram na corte que os extremistas tentaram obter armas de fogo e conspiraram para derrubar a ordem democrática na Alemanha. Eles disseram que os suspeitos eram os principais membros da cena neonazista, skinhead e hooligan na cidade alemã de Chemnitz, destaca a AP.

    Mais:

    Resultado na Finlândia mostra avanço da extrema-direita antes de eleições na Europa
    Extremistas da direita ucraniana derrubam estátua soviética na Carcóvia
    Nos EUA, moradores de cidade relatam ligações misteriosas de neonazista
    Neonazistas marcham na Alemanha
    Tags:
    Associated Press, AP, Dresden, hooligans, extremismo, neonazismo, Europa, extrema-direita, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar