15:57 19 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    4119
    Nos siga no

    A Hermann Historica, uma casa de leilões em Munique, na Alemanha, é criticada por planejar vender 147 itens relacionados ao Terceiro Reich no dia 20 de novembro.

    A casa de leilões Hermann Historica em Munique, na Alemanha, pretende leiloar dezenas de objetos ligados aos líderes nazistas, inclusive uma edição de Mein Kamf, o manifesto do líder do partido nazista Adolf Hitler, um chapéu de Hitler e vestidos da sua esposa, Eva Braun. Os vestidos foram descobertos em 40 baús obtidos por oficiais militares dos EUA em 1945, em Salzburgo, na Áustria.

    Outros itens a ser leiloados incluem a cópia do contrato de arrendamento de Hitler em Munique e itens pessoais dos líderes nazistas Hermann Goering e Joseph Goebbels. A história dos últimos objetos não está clara.

    Chapéu de Hitler a ser leiloado em novembro
    Chapéu de Hitler a ser leiloado em novembro

    O chefe da Associação Judaica Europeia, Rabbi Menachem Margolin, escreveu uma carta para a casa de leilões exigindo o cancelamento da venda de itens do Terceiro Reich.

    "Nós acreditamos que a venda de tais recordações tem pequeno valor histórico, mas em vez disso serão compradas por quem glorifica e busca justificar as ações do maior mal que atingiu a Europa... Tal comércio nestes casos não deve ter lugar", escreveu Margolin, citado pelo jornal The Times of Israel.

    No entanto, o chefe da Hermann Historica, Bernhard Pacher, disse que os objetos são vendidos para clientes "que mostram sério interesse histórico".

    Vestido de Eva Braun, esposa de Adolf Hitler
    Vestido de Eva Braun, esposa de Adolf Hitler

    Em abril, a cópia de seguro de morte e de incapacidade de Hitler foi leiloada por mais dos US$ 4.000 (R$ 16.702). No mesmo mês, a carta de suicídio do líder nazista também foi posta em leilão com expectativas do que o item traria pelo menos US$ 80.000 (R$ 334.043).

    No entanto, cinco quadros, considerados pintados por Hitler, não foram vendidos no leilão em Nuremberga em outubro depois que as autoridades consideraram a venda como tendo "falta de estilo e de gosto".

    Mais:

    U-1206 – o azarado submarino nazi que foi afundado pelo vaso sanitário
    Marinha britânica detona bomba nazi achada em naufrágio do século XVII (FOTOS, VÍDEO)
    Diário de oficial nazi revela detalhes do tesouro de Hitler escondido na Polônia (FOTOS)
    Tags:
    leilão, Alemanha, nazistas, Adolf Hitler
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar