19:36 15 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Bandeiras da Turquia e da UE

    Turquia suspenderá acordo sobre refugiados se UE recusar nova proposta de regime sem visto

    © AP Photo / Ergin Yildiz
    Europa
    URL curta
    1015

    Ancara suspenderá o acordo para receber refugiados com a União Européia se Bruxelas se recusar a considerar uma nova proposta de regime de isenção de vistos, que será apresentada em maio, disse o ministro turco dos Assuntos Europeus Omer Celik.

    "Se eles aceitarem nossa proposta, o processo [relativo ao acordo de refugiados] será concluído de forma positiva, caso contrário, falhará", disse Celik à emissora CNN Turk, acrescentando que a Turquia estaria pronta para suspender o acordo de forma unilateral.

    Os detalhes da nova proposta não foram especificados.

    Em março de 2016, Bruxelas e Ancara chegaram a um acordo, no qual a Turquia se comprometeu a receber imigrantes ilegais da União Européia. Em contrapartida, o bloco prometeu acelerar a candidatura turca à União Europeia e introduzir um regime de isenção de vistos, bem como fornecer ajuda financeira à Turquia para cobrir os custos da recepção dos imigrantes.

    Desde agosto de 2016, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, advertiu repetidamente que Ankara se retirará do acordo se a União Européia não conceder isenção de visto aos cidadãos turcos, especialmente depois que as relações com o bloco se deterioraram no contexto de um referendo turco sobre a expansão dos poderes presidenciais.

    Mais:

    Erdogan quer restabelecer pena de morte na Turquia
    Turquia considera deixar a UE antes mesmo de entrar
    Juncker: Turquia não entrará na UE se reintroduzir a pena de morte
    Chanceler da Turquia: UE está caindo aos pedaços e o futuro da Europa não é nada agradável
    Tags:
    acordo migratório, isenção de visto, Omer Celik, UE, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik