03:29 07 Março 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    29218
    Nos siga no

    O recente deslocamento de tropas e tanques americanos para a Europa Oriental visa evitar que seja firmado um acordo de paz entre a Rússia e a OTAN sobre a redução das forças permanentes nessa região.

    Eis o que revelou Heike Hansel, membro do Partido de Esquerda alemão, à Sputnik Alemanha.

    Na semana passada a mídia informou que o Exército dos EUA desembarcou 87 tanques e outros equipamentos militares, incluindo jeeps e obuses, de três navios de transporte no porto alemão de Bremerhaven. Esse material bélico está sendo transportado à Polônia por ferrovia para ser instalado neste país, nos Países Bálticos, Bulgária e Roménia.

    Hansel contou que "o deslocamento destes equipamentos foi aprovado nas cúpulas da OTAN" e que ele pessoalmente "não se lembra de quaisquer debates no parlamento alemão sobre o assunto".

    Veículos militares do Exército dos EUA cruzam a fronteira polonesa em Alszyna, na Polônia
    © AP Photo / Czarek Sokolowski
    Veículos militares do Exército dos EUA cruzam a fronteira polonesa em Alszyna, na Polônia

    O representante do partido alemão frisou que as Forças Armadas da Alemanha, ao providenciar a logística necessária, contribuem de maneira significativa para o deslocamento do material militar.

    De acordo com Hansel, a instalação do equipamento militar acontece no âmbito da operação da OTAN Atlantic Resolve, que é apoiada pela Alemanha, já que o país faz parte da Aliança Atlântica.

    "Em termos gerais, vale notar que esse deslocamento é um pouco mais de que uma manobra para evitar um acordo entre a Rússia e a OTAN contra o posicionamento permanente das tropas na Europa Oriental. Julgo que os próximos deslocamentos de tropas serão efetuados de acordo com o mesmo esquema", opina.

    O reforço do flanco oriental da OTAN ganhou novas dimensões depois de os soldados americanos terem cruzado a fronteira polonesa. A brigada, que conta com 3,5 mil militares, será posicionada na cidade de Zagan, no oeste da Polônia.

    Em 10 de janeiro, o porta-voz do Ministério da Defesa polonês, Bartlomiej Misiewicz, comunicou que mil soldados norte-americanos desembarcaram no território da Polônia para cumprir a missão Resolução Atlântica (Atlantic Resolve) e participar de exercícios conjuntos com aliados europeus.

    Mais:

    Desarme de bomba da 2ª Guerra causa evacuação em massa na Alemanha
    Militares indicam passos para conter 'agressão russa' na Europa
    Tags:
    manobra, material bélico, acordo, deslocamento, Exército dos EUA, Sputnik, OTAN, Rússia, Países Bálticos, Polônia, Alemanha, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar