23:00 08 Março 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    406
    Nos siga no

    O Reino Unido confirmará o deslocamento de um reforço de tropas e veículos blindados para a Polônia numa reunião bilateral de alto nível que vai decorrer em Londres em 28 de novembro.

    Segundo está previsto, a cooperação abordará outras áreas, para além da defesa e segurança, no contexto da eventual saída do Reino Unido da EU, após o referendo realizado no país em junho deste ano.

    "Tenho a certeza de que o Brexit não enfraquecerá o nosso relacionamento com a Polônia, mas servirá de catalisador para reforçá-lo", declarou a primeira-ministra britânica Theresa May.

    Por seu turno, o ministro da Defesa do Reino Unido Michael Fallon comunicou à BBC que o país se compromete a garantir a defesa da Polônia como membro da OTAN.

    "Acho que Putin está testando a firmeza da Aliança e devemos assegurar que a OTAN é uma aliança defensiva disposta a proteger os integrantes que se sentem vulneráveis, em particular, no flanco oriental, como a Polônia e os Países Bálticos", informou o ministro.

    Londres se comprometeu a enviar cerca de 150 efetivos do regimento inglês Light Dragons e um número não revelado de veículos blindados para a Polônia.

    O reforço militar atuará na cidade de Orzysz, nordeste da Polônia, perto da fronteira russa.

    Destaca-se que mais detalhes da cooperação serão revelados no decorrer de uma série de reuniões previstas entre Theresa May e a sua homóloga polonesa Beata Szydlo, os chanceleres, ministros da Defesa, Comércio e Ciência.

    Vale lembrar que, em julho do ano em curso, na cúpula da OTAN em Varsóvia, foi decidido deslocar batalhões multinacionais para a Estônia, Letônia, Lituânia e Polônia com objetivo de reforçar a presença militar da Aliança Atlântica na Europa Oriental.

    Mais:

    Brexit permitirá à Grã-Bretanha aproveitar as vantagens da globalização, diz Theresa May
    Especialista: há algo semelhante entre a vitória de Trump e o Brexit
    Esta cidade russa horroriza a OTAN
    Tags:
    segurança, defesa, aliança militar, deslocamento, batalhões, BBC, OTAN, Beata Szydło, Michael Fallon, Theresa May, Países Bálticos, Polônia, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar