12:59 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Corveta Magdeburg de 89 metros de comprimento no porto da marinha de Warnemunde perto de Rostock, no norte da Alemanha, agosto 17. 2007

    Alemanha compra cinco navios de guerra para 'se defender' da Rússia

    © AP Photo / Thomas Haentzschel
    Europa
    URL curta
    221332

    Pelo menos cinco corvetas da classe Braunschweig entrarão ao serviço na Marinha alemã nos próximos anos, o que pode ser visto como um sinal para a Rússia, de acordo com o jornal Suddeutsche Zeitung.

    O Bundestag (parlamento alemão) aprovou a compra exigida pela coalizão governista do país, que inclui a União Democrata Cristã (CDU) de centro-direita, o partido conservador União Social Cristã (CSU) e o Partido Social-Democrata (SPD).

    O custo total das embarcações atinge 1,5 mil milhões de euros, informa o jornal Suddeutsche Zeitung, citando fontes no Bundestag.

    "Para lidar com os novos desafios de segurança na região do Báltico, no Mediterrâneo e no mundo, a coalizão da aliança CDU/CSU e SPD planeja comprar cinco novas corvetas para a Marinha alemã no valor de 1,5 mil milhões de euros," indica o jornal. 

    Os dois primeiros navios serão colocados em serviço em 2019, enquanto os outros três deverão passar a integrar a Marinha alemã em 2023. 

    A força naval do país tem um total de cinco corvetas  K 130 da classe Braunschweig, de acordo com o Suddeutsche Zeitung.

    Essas corvetas são principalmente usadas nas águas costeiras, incluindo no mar Báltico, segundo o jornal.

    Neste contexto, o Suddeutsche Zeitung sugeriu que a modernização da Marinha alemã poderia ser entendida como sinal de Berlim a Moscou.

    Segundo o site naval-technology.com, "as corvetas K130 possuem características furtivas, empuxo baixo, armas altamente automatizadas e sistemas de defesa para apoiar uma guerra no litoral e particularmente para operações de uma força de reação rápida numa crise internacional".

    Mais:

    Alemanha planeja investir 1,5 bilhão de euros em novos navios de guerra
    Reino Unido planeja gastar US$ 3,6 bilhões em veículos militares da Alemanha
    Tags:
    Marinha, Defesa, Mar Báltico, Rússia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik