14:13 21 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    Brasil combatendo pandemia da COVID-19 no fim de maio (63)
    0 10
    Nos siga no

    O PIB do Brasil apresentou contração de 1,5% na comparação do primeiro trimestre de 2020 contra o quarto trimestre de 2019, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (29).

    Na comparação com o primeiro trimestre de 2019, o PIB teve variação negativa de 0,3%. No acumulado nos quatro trimestres, encerrados em março de 2020, subiu 0,9%, na comparação com os quatro trimestres imediatamente anteriores.

    Com as medidas de distanciamento social impostas pelo coronavírus, indústria (-1,4%) e serviços (-1,6%) registraram queda, enquanto a agropecuária (0,6%) teve um aumento. Os números são da comparação do primeiro trimestre de 2020 contra o quarto trimestre de 2019.

    Na indústria, a queda foi mais acentuada no setor de indústrias extrativas (-3,2%), assim como construção (-2,4%) e indústrias de transformação (-1,4%).

    No setor de serviços, informa o IBGE em comunicado, os setores com maiores quedas foram: outros serviços (-4,6%), transporte, armazenagem e correio (-2,4%), informação e comunicação (-1,9%), comércio (-0,8%), administração, saúde e educação pública (-0,5%), intermediação financeira e seguros (-0,1%). O segmento de atividades imobiliárias (0,4%) registrou aumento.

    Tema:
    Brasil combatendo pandemia da COVID-19 no fim de maio (63)

    Mais:

    Peru anuncia pacote contra coronavírus de 12% do PIB
    PIB do Canadá cai 9% em março durante pandemia da COVID-19
    Banco Central: relatório de mercado prevê queda de 1,18% no PIB brasileiro em 2020
    PIB brasileiro pode cair até 10,1%, diz grupo suíço
    PIB desmorona e política de Guedes ficará em 'sinuca de bico' após epidemia, prevê economista
    Tags:
    PIB, pandemia, COVID-19, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar