13:37 16 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Barras de ouro empilhadas em cofre na Casa da Moeda dos Estados Unidos, Nova York, em 22 de julho de 2014 (imagem de arquivo)

    China faz compras maciças de ouro se afastando do dólar em meio a tensões com EUA

    © AP Photo / Mike Groll, File
    Economia
    URL curta
    11380
    Nos siga no

    O preço do ouro superou 1.400 dólares por onça na semana passada, marcando assim sua melhor semana em três anos e a melhor cotação de preço em quase seis anos.

    A China tem estado a aumentar continuamente desde dezembro as suas reservas do metal precioso, numa tentativa de se afastar do dólar em meio à guerra comercial com o seu maior rival econômico – os Estados Unidos.

    O Banco Popular da China já comprou mais de 70 toneladas de ouro desde dezembro, de acordo com os dados do Conselho Mundial do Ouro (WGC, na sigla em inglês), sendo esta uma mudança significativa visto que os dados permaneceram inalterados de outubro 2016 a novembro de 2018.

    Bancos centrais por todo o mundo estão também comprando o metal precioso em números recorde. No ano passado a Rússia se tornou o maior comprador de ouro, adquirindo 274 toneladas do metal precioso. Nos primeiros cinco meses deste ano Rússia acrescentou 78 toneladas aos seus cofres, aumentando a sua cota nas reservas internacionais em 3,7 por cento, informa WGC.

    Pequim tem apostado no ouro para diversificar suas reservas e se afastar do dólar

    Analistas dizem que Pequim tem apostado no aumento da compra do ouro para "diversificar suas reservas" e se afastar do dólar. A China, o maior detentor de títulos do Tesouro dos EUA, tem reduzido seus investimentos nesse ativo, em abril de 2019 o volume de títulos da dívida pública estadunidense nas reservas chinesas atingiu seu mínimo, descendo desde o máximo registrado de US$ 1,32 trilhão em 2013 para US$ 1,1 trilhão em abril deste ano

    Todas estas mudanças podem significar que o mundo está se tornando mais multipolar do que há 10 anos, por exemplo, quando o dólar dominava incontestavelmente o sistema financeiro global. Hoje em dia a situação mudou bastante, a moeda estadunidense enfrenta concorrência por parte de novos adversários e, possivelmente, em breve iremos testemunhar o aparecimento de uma nova ordem econômica.

    Mais:

    Mídia: Venezuela vende ouro no valor de US$ 570 milhões contornando sanções americanas
    Confira 5 países com maiores reservas de ouro
    Tags:
    EUA, guerra comercial, reservas de ouro, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar