19:19 16 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    11802
    Nos siga no

    Segundo os mais recentes relatos de inteligência, o Irã deve estar construindo um navio de guerra que ainda não foi revelado ao público.

    Ainda não se sabe o seu nome ou designação, o que não é comum, uma vez que a Marinha do Irã se orgulha da sua habilidade de fabricar navios e submarinos, segundo o portal Naval News.

    A nova embarcação parece ser um catamarã, o que significa que tem dois cascos, um ao lado do outro. Contudo, suas proporções também sugerem que pode ser um navio de efeito de superfície (SES, na sigla em inglês).

    "Este seria um território completamente novo para os construtores de navios iranianos, e poderia apontar uma nova classe de embarcações portadora de mísseis", de acordo com o portal.

    No entanto, não está claro se este novo navio será para o Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês) ou para a Marinha iraniana.

    Navios com efeito de superfície combinam tanto com as características de um catamarã como de um hovercraft (veículo de colchão de ar).

    Novas informações sugerem que o Irã tem um navio de guerra fabricado localmente que (ainda) não foi divulgado ao público. Não sabemos o seu nome ou designação. Isso é incomum porque a Marinha do Irã tem muito orgulho de sua capacidade de construir navios e submarinos. Os programas são glorificados na imprensa como conquistas de autossuficiência.

    Essencialmente, e com tais características, a embarcação misteriosa seria composta por um casco duplo de catamarã com uma saia na frente e atrás. A embarcação poderia então usar um colchão de ar e propulsão convencional (parafuso ou jato d'água), permitindo um alto desempenho e uma plataforma de tiro estável, relata o artigo.

    A Coreia do Norte, parceira do Irã na área de defesa, tem desenvolvido SES há cerca de 20 anos. A nação asiática foi responsável por uma série de projetos, principalmente embarcações portadoras de mísseis. Muitos apresentam cascos inclinados e superestruturas feitas para passarem despercebidas.

    O navio iraniano em questão se parece mais com as variantes norte-coreanas anteriores, mas com linhas menos furtivas, destaca a mídia.

    Ainda é cedo para conhecer mais detalhes do novo navio iraniano, mas uma revelação pode acontecer em breve. Uma vez que tal aconteça, deverá haver respostas relativas ao grau de influência norte-coreana, bem como se o novo navio portará mísseis, algo que parece ser provável, conta o Naval News. Porém, no momento, é preciso esperar.

    Mais:

    Pentágono diz que suspendeu planos de tirar USS Nimitz do Oriente Médio
    Irã adverte Coreia do Sul para não politizar apreensão de petroleiro, exigindo liberação de fundos
    Exército do Irã revela novas capacidades de seus drones de combate em recente exercício
    Tags:
    Irã, Coreia do Norte, Defesa, navio de guerra, aintimísseis
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar