06:55 24 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    21410
    Nos siga no

    De acordo com informações, o primeiro bombardeiro estratégico B-21 dos EUA já se encontra em construção, tendo seu voo inaugural previsto para dezembro de 2021.

    O bombardeiro furtivo da próxima geração da Força Aérea dos EUA, B-21 Raider, será equipado com software sofisticado que irá "apresentar informações organizadas do campo de batalha em tempo real", revela a revista The National Interest.

    De acordo com o editor da revista dos EUA Kris Osborn, o novo equipamento do bombardeiro da próxima geração incluirá sensores, computadores e eletrônica que permitirão ao bombardeiro "calcular melhor o dimensionamento, implementação e agilizar as funções processuais como verificação de aviônicos específicos, medindo a altitude e velocidade".

    O artigo cita o responsável para aquisições da Força Aérea norte-americana William Roper, segundo o qual a equipe do B-21 "acabou de verificar o software conteinerizado com [o sistema informático] Kubernetes em equipamentos prontos para o voo", proporcionando "autonomia radical para o desenvolvimento de software, em parceria com a Northrop Grumman".

    Imagem conceitual do bombardeiro B-21 Raider na Base Aérea de Ellsworth
    Northrop Grumman
    Imagem conceitual do bombardeiro B-21 Raider na Base Aérea de Ellsworth
    Graças a isto, o computador do avião irá executar rapidamente os cálculos para obter dados relativos à altitude, velocidade e navegação. Os pilotos do B-21 serão capazes de compartilhar informações e destruir defesas antiaéreas do inimigo "muito mais rápido", detalha o artigo.

    Neste contexto, cabe destacar que o software do B-21 pode ser ainda mais sofisticado em comparação com o Sistema Autônomo de Informações Logísticas dos caças de quinta geração F-35 que já está em serviço, mas continua a enfrentar vários problemas tecnológicos.

    Mais:

    EUA enviam bombardeiros nucleares para missões de 'dissuasão estratégica' no Pacífico (FOTOS)
    Bombardeiros de longo alcance dos EUA conduzem 1ª operação estratégica na Suécia
    Bombardeiros estratégicos russos Tu-95 rompem defesa antiaérea do 'adversário' (VÍDEO)
    Tags:
    tecnologias modernas, tecnologia militar, tecnologia furtiva, Força Aérea dos EUA, B-21, bombardeiro estratégico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar