01:07 25 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Cultura
    URL curta
    5100
    Nos siga no

    O embaixador do Egito na Bélgica, Khaled El-Baqly, recebeu do governo belga dois artefatos exportados ilegalmente do país, durante uma cerimônia solene realizada pelo Ministério da Economia da Bélgica.

    O Ministério das Relações Exteriores do Egito afirmou que um dos artefatos é uma figurinha colorida de calcário na forma de um humano de pé do Império Antigo. O segundo artefato é uma estatueta funerária shabti de barro do Antigo Egito tardio, informou a Arab News.

    O embaixador destacou que o Egito e a Bélgica deram um passo importante para os dois países. Isso contribui para a colaboração aprofundada entre estes países em diferentes áreas, especialmente no que toca às questões de retorno de antiguidades egípcias exportadas pelos contrabandistas.

    Além disso, El-Baqly convidou os belgas a visitar os lugares turísticos no Egito e conhecer melhor a história deste país antigo.

    Artefatos antigos devolvidos pela Bélgica ao Egito
    Artefatos antigos devolvidos pela Bélgica ao Egito

    Segundo o supervisor geral da Administração de Antiguidades Recuperadas, Shaaban Abdel-Gawad, o Egito trabalhou para garantir que as estatuetas fossem devolvidas ao país de origem desde 2016, quando se soube que as autoridades belgas as adquiriram em um leilão.

    A investigação dos especialistas revelou que o proprietário da exposição não tinha os documentos para os artefatos.

    Mais:

    Arqueólogos descobrem na Turquia 400 túmulos de 1.800 anos talhados na rocha (FOTOS)
    Três cientistas recebem Prêmio Nobel da Física por entendimento de 'sistemas físicos complexos'
    Tesouro de prata 'louco' de 1.000 anos é encontrado por amadores na Dinamarca (FOTOS)
    Pesquisadores desenterram no Líbano complexo de templos do período romano (FOTOS)
    Tags:
    Egito, Bélgica, estatueta, exportação, leilão, artefato
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar