02:10 23 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1160
    Nos siga no

    Artefatos desenterrados no sítio arqueológico de Karahantepe, na província turca de Sanliurfa, considerado um dos mais importantes assentamentos do período Neolítico, revelam o talento artístico das pessoas que habitaram esta área há cerca de 11.000.

    Arqueólogos turcos desenterraram uma prisão antiga com várias representações humanas esculpidas em paredes de rocha e esculturas tridimensionais. O assentamento foi construído aproximadamente 9.000 anos antes de Cristo.

    O chefe das escavações, professor Necmi Karul, disse à agência Anadolu que os trabalhos foram iniciados em 2019, mas que os seus resultados só foram apresentados ao público agora.

    O arqueólogo observou que foi encontrada uma estrutura de 23 metros de diâmetro e 5,5 metros de profundidade, escondida sob o solo e esculpida quase toda na rocha-mãe, o que significa que foi construída com esforços de muitas pessoas.

    Uma das esculturas encontradas mais curiosas representa uma figura humana carregando nas costas um leopardo.

    Embora seja difícil decifrar o significado que o artista pré-histórico queria transmitir, a obra pode servir de evidência de que as relações dos humanos com os animais 11 mil anos atrás eram diferentes comparando com a atualidade, sendo mais pacíficas naquela época, detalhou Karul.

    O especialista ressaltou ainda que os artefatos encontrados comprovam que os humanos do Neolítico tinha desenvolvido avançadas habilidades artísticas.

    Mais:

    Cientistas descobrem origem genética do povo etrusco, que 'desapareceu' com os romanos
    'Descoberta excepcional': mergulhadores acham 53 moedas de ouro romanas na costa da Espanha (FOTOS)
    Ferramentas de pedra de 1 milhão de anos são encontradas na Espanha (FOTOS)
    Tags:
    civilizações antigas, sítio arqueológico, Turquia, esculturas, escavação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar